Imagem Blog

Alessandra Rodrigues - Nutrição e Bem-Estar

Por Blog
Continua após publicidade

Dicas para preservar os nutrientes dos alimentos

Alguns fatores como: altas e baixas temperaturas, imersão em excesso de líquidos, choque (bater no liquidificador), exposição à luz e ao ar podem causar perdas nutricionais consideráveis aos alimentos. Quando cozinhamos um vegetal na água, parte significativa dos seus nutrientes é perdida nessa água, já quando cozidos à vapor é possível manter maior quantidade de nutrientes. […]

Por VEJA SP
Atualizado em 26 fev 2017, 18h26 - Publicado em 5 mar 2015, 18h26

nutrientes-nutricao

Alguns fatores como: altas e baixas temperaturas, imersão em excesso de líquidos, choque (bater no liquidificador), exposição à luz e ao ar podem causar perdas nutricionais consideráveis aos alimentos.

Quando cozinhamos um vegetal na água, parte significativa dos seus nutrientes é perdida nessa água, já quando cozidos à vapor é possível manter maior quantidade de nutrientes. Uma dica interessante é reutilizar a água usada para o cozimento do vegetal. Como? Pode ser no preparo de uma sopa, suco ou até mesmo do arroz ou macarrão.

+ Como montar um lanche saudável para substituir o almoço ou jantar

Estudos mostram que perde-se de 40 a 60% da vitamina C dos vegetais quando cozidos na água. Já no vapor, a perda é de apenas 10 a 30%. Por isso, prefira o vapor e ainda assim aproveite essa água do cozimento!

Continua após a publicidade

Em relação às fibras, sabemos que quando batemos o alimento no liquidificador durante muito tempo, elas vão perdendo sua estrutura. Apesar de ainda conter fibras, comer uma fruta in natura terá uma quantidade bem maior do que a fruta em forma de suco. O mesmo vale para algumas vitaminas.

+ Sete dicas para comer bem fora de casa

Se você quer minimizar a perda de nutrientes, fique atento às dicas a seguir:

1 – Não descasque alimentos como batata antes de cozinhar. A casca serve como uma proteção que ajuda a reter os nutrientes.

Continua após a publicidade

2 – Evite usar muita água e deixar o alimento no fogo por muito tempo. Por isso é importante aquecer a água antes de mergulhar o alimento.

3 – Corte os vegetais imediatamente antes de usá-los em pedaços grandes. Pedaços pequenos implicam contato maior, multiplicando a perda de nutrientes.

4 – Congelar alimentos gera sim perdas nutricionais, mas ainda assim uma comidinha caseira congelada é mais nutritiva que um congelado industrial ou comida pronta desidratada.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.