Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
macarinbs.jpeg Delícia de Conta Por Comidinhas Dicas de comidinhas com bom custo-benefício e notas sobre promoções que agradam tanto o paladar quanto a carteira

Burger King é notificada pelo Procon por Whopper Costela sem costela

Assim como o McDonald's e seu McPicanha, rede de lanchonetes enfrenta a acusação de propaganda enganosa

Por Fernanda Campos Almeida Atualizado em 2 Maio 2022, 21h12 - Publicado em 2 Maio 2022, 20h26

Depois que o McDonald’s enfrentou uma grande polêmica por causa da linha de hambúrgueres McPicanha — que não contém picanha na composição —, outra rede de fast food enfrenta a acusação de confundir seus clientes. Trata-se do concorrente Burger King com seu Whopper Costela –– sanduíche que não tem costela entre os ingredientes.

Após burburinho nas redes sociais, o Procon de São Paulo notificou a cadeia nascida nos Estados Unidos da América por suspeita de propaganda enganosa. Em nota, a Burger King afirmou que “irá prestar os esclarecimentos solicitados”.

Por meio da assessoria de imprensa, a empresa explica que o hambúrguer, na verdade, é feito de paleta suína e leva aroma de costela. “Além disso, reforça que desde o lançamento do produto sempre trouxe com clareza em sua comunicação e em todos os materiais e peças publicitárias, cardápios e materiais oficiais de marca a composição do hambúrguer presente no sanduíche – feito com carne de porco (paleta suína) e sabor de costela”, diz o comunicado.

No Distrito Federal, o Procon suspendeu a venda do sanduíche nesta segunda (2). A decisão acontece depois da constatação do órgão de que “há a adição de aromatizante no preparo do hambúrguer, mas não há a presença da carne de costela em si”.

“Mais uma vez, vemos uma grande rede cometendo infração grave na publicidade de seus produtos. No caso do Burger King, a forma como o nome ‘costela’ é utilizado e como é feita a publicidade do sanduíche levam o consumidor a entender se tratar de sanduíche feito de costela, e não que contém apenas aroma de costela. Se não está claro para o consumidor, é publicidade enganosa”, contesta o diretor-geral do Procon-DF, Marcelo Nascimento.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)