Imagem Blog

Arte ao Redor

Uma curadoria de exposições, cursos e novidades dos museus, galerias e institutos culturais de São Paulo
Continua após publicidade

Quem desenhou a representação visual do coronavírus

Cada uma das estrutura coloridas vistas na imagem dos ilustradores têm explicações embasadas na estrutura do organismo

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
2 abr 2020, 10h46

A imagem do coronavírus, ou melhor sua representação, foi criada pelos ilustradores Alissa Eckert e Dan Higgins, do Centros de Controle e Prevenção de Doenças, que é uma agência, com diferentes núcleos, ligada ao Departamento De Saúde e Serviços Sociais do Estados Unidos. 

Em matéria publicada pelo The New York Times, Alissa e Higgins explicam que os pontinhos vermelhos se referem a proteínas, chamadas spikes, que permitem que o coronavírus (que na verdade, é uma família, com vários tipos de vírus) se ligue a células humanas.

Outros tipos de proteínas, que também podem ser vistas na imagem, são representadas pela cor amarela. Elas ajudam o vírus  a entrar nas células humanas. As de cor laranjas, presentes em sua membrana, são responsáveis pelo formato do microorganismo.

O trabalho dos ilustradores começou no dia 21 de janeiro, quando foi acionado o núcleo de emergência dos CDC (sigla inglês para essa agência) e foi pedido aos profissionais que criassem uma imagem impactante do novo vírus. Sobre a repercussão da imagem na população, que se relaciona à prevenção e combate à propagação de casos, Alissa afirma: “Ele está lá fora, fazendo o seu trabalho.”

Continua após a publicidade

Assine a Vejinha por 19,90 mensais.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.