Imagem Blog

Blog do Lorençato

Por Arnaldo Lorençato
O editor-executivo Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há mais de 30 anos. De 1992 para cá, fez mais de 16 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista é professor-doutor e leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie
Continua após publicidade

Última chance para provar a culinária mexicana de Lourdes Hernández

A cozinheira faz receitas especiais neste domingo (5) no bar de vinhos Sede261, em Pinheiros

Por Arnaldo Lorençato Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
5 Maio 2024, 09h54

Quem já experimentou uma das receitas elaboradas por ela sabe: Lourdes Hernández é uma cozinheira formidável. Para encerrar sua breve temporada paulistana, ela faz a última participação gastronômica na capital paulista neste domingo (5), entre 12h e 17h.

No encerramento, a cocinera atrevida comanda o evento Lourdes Hernández visita Sede 261. Ela assume o fogão do bar de vinhos, premiado por VEJA SÃO PAULO COMER & BEBER como o melhor de sua categoria em 2022.

Lourdes não estará sozinha. Terá a companhia de duas lourdetes, como são conhecidas suas discípulas culinárias. Kate colabora também no serviço, e Karen, nos bastidores — ambas foram formadas pela mestra no período em que morou no Brasil, entre 2005 e 2014 ao lado do marido, o artista plástico Felipe Ehrenberg (2005-2014).

No menu, estão:

* guacamole con totopos (pasta de abacate temperada na companhia de tortilhas de milho fritas  e crocantes; 20 reais)

Continua após a publicidade

* tostadas colimense (tortilha de milho crocante sobre maionese de pimenta chipotle, peixe marinado no limão, tomate, cenoura, pepino e coentro; 35 reais)

* tostadas de pollo pibil (tortilha de milho crocante com frango preparado em urucum e laranja azeda complementada por cebola-roxa em escabeche; 32 reais), sugestão que fica ainda melhor com a opção de molho de pimenta habanero

* tostadas de cuitlacoche (tortilha de milho crocante com mistura do cogumelo do milho, uma iguaria mexicana ainda pouco conhecida por aqui, mais uma variedade de outros cogumelos sobre pastas de coalhada seca e de cebola;  38 reais).

O que beber com essas pedidas clássicas e muito comuns em ruas e restaurantes do México? Há uma seleção de vinhos feita pelas anfitriãs e donas do bar Sede261, Cassia Campos e Daniele Bravin, para combinar com o domingo de calor intenso. A clientela deve se espalhar pela calçada nos dois lados da rua onde fica o bar.

Continua após a publicidade

Sede261
Rua Benjamin Egas, 261, Pinheiros.
Domingo (5), 12h/17h. Preços entre 20 e 38 reais.

BAIXE O APP COMER & BEBER E ESCOLHA UM ESTABELECIMENTO:

IOS: https://abr.ai/comerebeber-ios

ANDROID: https://abr.ai/comerebeber-android

Continua após a publicidade

Compartilhe essa matéria via:

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.