Clique e assine por apenas 6,90/mês

Vendedor ambulante morre após ser atropelado na Marginal Tietê

Jeferson Sobrinho era um dos camelôs que, mesmo com o programa Marginal Segura, driblava a fiscalização e vendia itens na beira da via nos horários de pico

Por Catherine Barros - Atualizado em 31 jul 2017, 19h41 - Publicado em 31 jul 2017, 19h36

O camelô Jeferson França Sobrinho, de 34 anos, foi atropelado na tarde desta segunda-feira (31) na pista expressa da Marginal Tietê, sentido Ayrton Senna, na altura da Ponte do Limão, na Zona Norte. Os bombeiros foram acionados e o Águia, helicóptero da Polícia Militar, ajudou no socorro à vítima. No entanto, o ambulante morreu no local.

A ocorrência foi registrada no 2° DP, na região do Bom Retiro.

Por conta do atendimento realizado na via, a pista expressa registrava no fim da tarde de segunda 2,5 quilômetros de lentidão da Ponte da Freguesia do Ó até a Ponte do Limão, segundo a CET.

No fim de janeiro, a prefeitura implantou nas marginais o programa Marginal Segura, que tem o objetivo de melhorar a sinalização e também coibir a ação dos ambulantes ao longo das vias. Mesmo com o aumento na fiscalização, muitos camelôs continuam atuando nos locais e colocando a vida em risco ao circular no meio dos veículos, sobretudo nos horários de pico da manhã e no fim da tarde.

Continua após a publicidade

Procurada, a prefeitura afirmou que irá analisar o ocorrido.

Publicidade