Continua após publicidade

Atividades culturais estão garantidas

Faculdades mantêm museu com entrada gratuita e teatros conhecidos pela boa programação

Por Daniel Salles e Giovana Romani
Atualizado em 5 dez 2016, 18h15 - Publicado em 5 mar 2011, 00h50

Aberto ao público em 1961, o Museu de Arte Brasileira da Faap, em Higienópolis, é hoje uma das principais instituições culturais da cidade. Seu acervo reúne quase 3.000 obras de artistas consagrados, como Alfredo Volpi, Candido Portinari e Victor Brecheret. Mais de 200.000 pessoas passaram pelo local no ano passado. Em cartaz desde 15 de fevereiro, a mostra “Marcas do Expressionismo” já foi conferida por 3.000 pessoas. A entrada é gratuita.

Outro atrativo para a vizinhança é o teatro da entidade, onde atualmente a atriz Maria Fernanda Cândido encena a peça “Ligações Perigosas”. Palco de montagens históricas, como “Morte e Vida Severina”, o Tuca, o teatro da PUC, em Perdizes, abriga de shows a apresentações de dança. “Boa parte do nosso público mora no bairro e vem a pé nos visitar”, conta o pró-reitor Hélio Roberto Deliberador.

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.