Continua após publicidade

Estação Paulista da linha 4-Amarela ganha novo acesso pela Bela Cintra

Companhia afirma que alternativa para chegar e sair da estação irá distribuir melhor o fluxo de passageiros

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 7 jun 2023, 16h57 - Publicado em 7 jun 2023, 16h44

O Metrô inaugurou nesta quarta-feira (7) um novo acesso para a estação Paulista da linha 4-Amarela. Denominada Bela Cintra, ela liga a rua de mesmo nome ao prédio já existente na rua da Consolação, devendo beneficiar cerca de 17 000 passageiros por dia nos cálculos da empresa. Embora o investimento de 2,5 milhões tenha sido bancado pelo metrô, quem irá operar o acesso é a ViaQuatro, concessionária responsável pela linha-4.

+Movimento nas rodoviárias cresce 11% para o feriado de Corpus Christi

Ainda segundo informações do Metrô, a alternativa irá melhorar o fluxo de passageiros que entram e saem todos os dias da estação, já que cerca de 70% dos usuários da estação Paulista têm como destino a Bela Cintra e vias vizinhas. Para que o acesso fosse construído, foi feita a desapropriação de parte de uma passagem de um prédio na Bela Cintra. Além disso, uma parte da parede dos fundos do atual edifício do metrô na rua da Consolação, que dá acesso às escadas rolantes, fixas e elevadores, foi aberto. Com isso foi criado um corredor de 50 metros com largura que varia entre 2,5 metros e 4,5 metros onde as pessoas poderão passar.

Ideia que desde 2013 era aventada pelo Metrô, a licitação para criar a estrutura chegou a ser anunciada em 2021, porém, a licitação para escolha da empresa que faria a obra foi suspensa. A ideia foi retomada em agosto do ano passado e a passagem demorou cerca de 90 dias para ser entregue.

Túnel

Continua após a publicidade

Um novo túnel para acesso à estação, a maior intervenção para desafogar a abarrotada estação Paulista, só deve ficar pronto em 2025. Anunciado em 2017 ele só saiu do papel no final de 2022, quando o então governador Rodrigo Garcia (PSDB) deu a autorização para o início dos trabalhos. Ele terá 90 metros de extensão, 7,5 metros de largura e 5,5 metros de altura e custa cerca de 60 milhões de reais. O acesso interno irá facilitar a saída de quem está na estação Consolação e precisa acessar a Paulista. Quem tem como destino o caminho inverso  poderá usar a estrutura já existente.

Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.