Continua após publicidade

Nunes diz que possível aumento na tarifa será discutido com prefeitos da Grande SP

Prefeito de São Paulo afirmou que gestores estão pleiteando um subsídio com o governo federal

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 5 nov 2021, 15h46 - Publicado em 5 nov 2021, 15h46

Ricardo Nunes (MDB) afirmou nesta sexta-feira (5), após dizer na quinta (4) que o aumento da tarifa de ônibus na capital paulista seria “inevitável” em 2022, que uma decisão será tomada em conjunto com as prefeituras da Grande São Paulo.

Nunes também afirmou que uma das demandas por parte dos gestores paulistas é um subsídio do governo federal para lidarem com o impacto provocado pela alta dos combustíveis, fator que seria o principal impulsionador de um aumento na tarifa.

“Não existe nada definido que vai ter aumento de tarifa, só esse ano o diesel aumentou 65,2%. Essa decisão vai ser tomada entre as prefeituras da região metropolitana, depende de um conjunto de estudos”, disse ele para o Bom Dia São Paulo, da TV Globo.

O prefeito afirmou ainda que o custo do sistema de transporte público é de 8 bilhões de reais por ano, sendo que 5 bilhões são arrecadados em passagens e 3 bilhões são subsidiados pela prefeitura. “Então, ou a gente aumenta o subsídio, que já está muito elevado, esse ano deve fazer em em 3,3 bilhões, ou faz um ajuste na tarifa”.

“A união dos prefeitos nacionais tem uma demanda junto ao governo federal já faz tempo, para o governo federal ajudar com o subsídio do transporte coletivo, é uma política pública importante”, afirmou Nunes.

Continua após a publicidade

 

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.