Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Relógio do Conjunto Nacional perderá marca de banco

Itaú terá que retirar seu nome por desrespeito à Lei Cidade Limpa

Por Maurício Xavier [com reportagem de Daniel Salles e Isabella Villalba] Atualizado em 5 dez 2016, 17h59 - Publicado em 18 jun 2011, 00h50

Após receber multas no valor total de 20 milhões de reais emitidas pela prefeitura por desrespeito à Lei Cidade Limpa, o Itaú vai retirar sua marca do relógio do Conjunto Nacional, na Avenida Paulista. Alvo de autuações em nível municipal, o banco precisou de autorização estadual para remover a publicidade.

Como o prédio foi tombado pelo Condephaat em 2005, o conselho do patrimônio histórico teve de aprovar a mudança no luminoso de 2.470 metros quadrados, que foi publicada no Diário Oficial no dia 10. Ainda não foi definido se o relógio, no local desde 1962, continuará ligado.

Publicidade