Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Policial mata o parceiro com tiros após acidente de trânsito

Caso ocorreu nesta sexta (4)

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 4 dez 2020, 20h13 - Publicado em 4 dez 2020, 20h12

Um policial civil morreu após ser baleado pelo próprio parceiro na manhã desta sexta-feira (4). O caso ocorreu após os dois se envolverem em um acidente de trânsito na região da cidade de Santa Cruz do Rio Pardo, interior paulista.

Eles estavam em uma viatura na Rodovia João Batista Cabral Rennó, na altura do quilômetro 304, quando o veículo bateu na traseira de um caminhão. Depois do caso, a concessionária da rodovia encaminhou paramédicos para atenderem os agentes, que ficaram feridos.

Durante o atendimento um dos policiais sacou a arma e atirou contra o parceiro. Um médico ficou ferido após tentar separar a briga. Eles foram levados para um pronto-socorro e o homem que foi alvo dos disparos não resistiu. O caso é investigado pela Corregedoria da Polícia Civil de Bauru. O agente que desferiu os disparos foi preso. Em nota a Secretaria de Segurança Pública afirmou que “oferece programas de apoio e acompanhamento aos seus efetivos”.

Publicidade