Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

PF apreende cocaína em livros infantis no aeroporto de Guarulhos

Ao todo, três pessoas foram presas por tráfico internacional de drogas

Por Redação VEJA São Paulo 2 set 2021, 20h13

Três pessoas foram presas pela Polícia Federal na madrugada desta quinta-feira (2), no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, acusadas de tentar traficar drogas para a África e Ásia. Ao todo, foram apreendidos 10 quilos de cocaína.

De acordo com a PF, quatro quilos da droga estavam escondidos dentro de livros como ‘O Mágico de Oz’ e ‘Pinóquio’, que pertenciam a um passageiro que era refugiado nigeriano no Brasil desde 2019.  Ele tinha como destino a cidade de Conacri, capital de Guiné, na África.

Outra nigeriana, que tinha intenção de viajar para Juba, capital do Sudão do Sul, também no continente africano, foi flagrada com cinco quilos de cocaína em fundos falsos de mochilas. É a segunda vez que a passageira é presa por tráfico de drogas.

A última prisão foi a de uma brasileiro de 19 anos que viajaria para Dubai, nos Emirados Árabes. Ela escondeu um quilo de cocaína distribuído em 20 pacotes pequenos, enrolados em uma manta.

Continua após a publicidade

Publicidade