Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Quem foi Paulo Vaz, ativista transexual que morreu aos 36 anos

Conhecido também como Popó, ele era investigador da Polícia Civil e uma importante voz da comunidade LGBTQIA+

Por Redação VEJA São Paulo 15 mar 2022, 13h01

Foi divulgada na noite de ontem (14), pela Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra), a morte do policial e ativista trans Paulo Vaz, aos 36 anos. As circunstâncias da morte não foram divulgadas.

Também conhecido como Popó, Vaz era mineiro de Belo Horizonte e investigador da Polícia Civil em Ibiúna, interior de São Paulo, desde 2018, além de uma importante voz da comunidade LGBTQIA+.

View this post on Instagram

A post shared by ANTRA (@antra.oficial)

Transexual, o ativista era casado desde 2019 com Pedro HMC, criador do canal no Youtube Põe na Roda, de informação, cultura e entretenimento LGBTQIA+.

Em entrevista ao g1 em 2018, Paulo contou que iniciou a transição em 2016. Na época, o investigador se pronunciou publicamente em defesa do policial Leandro Prior, que sofreu ataques homofóbicos após aparecer em vídeo beijando outro homem enquanto usava farda.

Continua após a publicidade

Paulo se tornou conhecido por ser um dos poucos homens trans a trabalhar na polícia, e usava seu alcance para lutar contra a transfobia. Confira algumas homenagens de personalidades nas redes:

View this post on Instagram

A post shared by Fernando Oliveira (@fefito)

+Assine a Vejinha a partir de 12,90.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês