Clique e assine por apenas 6,90/mês

Ônibus de São Paulo aceitarão pagamento com cartões de débito e crédito

Projeto piloto, do qual participam doze linhas e 200 veículos, começa na segunda-feira (16)

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 12 set 2019, 12h28 - Publicado em 12 set 2019, 12h24

A Prefeitura de São Paulo anunciou na manhã dessa quinta-feira (12) um projeto piloto para implementar novos meios de pagamento da tarifa de ônibus em São Paulo, com cartão de débito e crédito. Serão aceitas as bandeiras Visa e Mastercard que possuem a tecnologia de pagamento por aproximação.

Nesse esquema, o usuário do transporte público precisará apenas aproximar seu cartão do validador. O valor será automaticamente debitado de sua conta corrente ou acrescido em sua fatura, no caso do crédito. Cidades como Jundiaí e Rio de Janeiro (no Metrô) já aderiram ao sistema.

Inicialmente, 200 veículos de doze linhas estarão equipados com a nova tecnologia. O projeto, que começa na próxima segunda-feira (16), terá caráter experimental e duração de três meses, podendo ser implementado de maneira fixa depois do período. Além da prefeitura, Visa, Mastercard, Cielo, Stone, Prodata, Digicom e Empresa 1 participaram da iniciativa.

Confira as linhas que farão parte do período de testes:

Continua após a publicidade

2590/10 — Pq. D. Pedro II/União de Vl. Nova

4031/10 — Metrô Tamanduateí/Pq. Sta. Madalena

6030/10 — Term. Sto. Amaro/UNISA-CAMPUS 1

917M/10 — Metrô Ana Rosa/Morro Grande

Continua após a publicidade

2002/10 — Term. Bandeira/Ter. Pq. D. Pedro II

715M/10 — Lgo. da Pólvora/Jd. Maria Luiza

908T/10 — Butantã/Pq. D. Pedro II

9300/10 — Ter. Pq. D. Pedro II/Ter. Casa Verde

Continua após a publicidade

9500/10 — Pça. Do Correio/Term. Cachoeirinha

5129/10 — Term. Guarapiranga/Jd. Miriam

807M/10 — Shop. Morumbi/Term. Campo Limpo

675R/10 — Metrô Jabaquara/Grajaú

Continua após a publicidade

O Metrô de São Paulo também testa um novo sistema de pagamento, este por QR code. Durante 45 dias, as estações Autódromo (Linha 9-Esmeralda), Tamanduateí (Linha 10-Turquesa), Dom Bosco (Linha 11-Coral) e Aeroporto-Guarulhos (Linha 13-Jade), da CPTM, e São Judas (Linha 1-Azul), Paraíso (linha 1-Azul e 2-Verde) e Pedro II (Linha 3-Vermelha), do Metrô, terão a forma de pagamento disponível.

O código pode ser comprado previamente pelo app VouD ou através do site www.voud.com.br, com cartão de crédito. Também é possível adquirir utilizando o cartão de débito nas máquinas de autoatendimento das estações participantes ou nas bilheterias, onde o pagamento deve ser feito em dinheiro. O código será disponibilizado via papel ou na tela do celular.

Publicidade