Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Dois homens morrem após briga entre santistas e palmeirenses

A confusão aconteceu na noite de domingo (23) após jogo de futebol dos dois times

Por Redação VEJA São Paulo 24 ago 2020, 11h54

Duas pessoas morreram em Mauá, na grande São Paulo, no domingo (23) após uma briga entre torcedores do Santos e do Palmeiras. Três homens foram detidos pela polícia.

A briga começou por volta das 22h. Os palmeirenses comemoravam a vitória do time em cima do Santos em um posto de gasolina. Imagens de testemunhas mostram que alguns torcedores pegaram pedaços de pau dentro do porta-malas de um carro e houve correria. Barulhos semelhantes a tiros também foram ouvidos.

A Guarda Civil Municipal informou que os santistas estavam com os pedaços de pau. Dois torcedores do time morreram a caminho do hospital após serem baleados. Os palmeirenses fugiram em um carro, mas foram localizados pela GCM.

De acordo com os guardas, os palmeirenses disseram que estavam em menor número e por isso sacaram uma arma. Os homens foram conduzidos ao 1º Distrito Policial.

Continua após a publicidade
Publicidade