Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Metrô lança aplicativo para receber denúncias de passageiros

Usuários da rede devem enviar informações principalmente de ocorrências que exijam atuação imediata e afetem a viagem

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 19 jun 2017, 15h02 - Publicado em 19 jun 2017, 11h58

O Metrô de São Paulo lançou um aplicativo gratuito para os passageiros comunicarem problemas operacionais e crimes durante as viagens no sistema. Disponível para Android e iOS, o app Metrô Conecta permite o envio de textos e fotos diretamente ao Centro de Controle Operacional (CCO) da companhia.

Segundo o Metrô, os usuários da rede devem enviar informações principalmente de ocorrências que exijam atuação imediata e afetem a viagem.

“O objetivo é melhorar a experiência de viagem do usuário”, diz Cecília Guedes, chefe do departamento de relacionamento com o usuário do Metrô. Desde o lançamento, no último dia 6 de junho, até o dia 13, foram registrados mais de 3 300 downloads e 500 ocorrências. Dessas, mais de 50% ocorreram devido à presença de ambulantes nos vagões.

É possível registrar ocorrências como falhas no ar condicionado, falta de limpeza nos vagões e denúncias de assédio sexual, que são tratadas com prioridade. A previsão entre o registro da denúncia e atuação de funcionários do Metrô é de seis a sete minutos. Em alguns casos, as equipes da companhia poderão abrir um chat com o usuário para obter mais detalhes.

O atendimento aos passageiros pelos demais canais do Metrô continua normalmente como a central de informações, SMS-denúncia, redes sociais e ouvidoria.

(com Estadão Conteúdo)

  • Continua após a publicidade
    Publicidade