Continua após publicidade

Material escolar está 16% mais caro em sites de compras, diz Procon-SP

Levantamento do órgão indica variação de até 381% no preço dos produtos

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
5 jan 2022, 17h09

Uma pesquisa do Procon-SP realizada em oito sites de compras apontou que os preços dos itens do material escolar estão, em média, 15,96% mais caros.

O levantamento também indicou forte diferença de preços em alguns itens, tais como uma massa de modelar de seis cores com 90 gramas, que poderia ser comprada por R$ 2,70 em um varejista online, ou R$ 12,99 em outro, numa diferença de 381,11%,

+Pagamento à vista com desconto de 3% do IPTU começa dia 1º de fevereiro

A sondagem pelo órgão de defesa do consumidor levou em conta 79 itens usados pelos estudantes, tais como apontador, borracha, caderno, canetas esferográfica e hidrográfica, colas em bastão e líquida, giz de cera, estojo de lápis de cor, entre outros.

Os sites consultados foram: Amazon, Americanas, Gimba, Kalunga, Lepok, Livrarias Curitiba, Magazine Luiza e Papelaria Universitária.

Continua após a publicidade

A consulta foi feita entre os dias 7 e 10 de dezembro de 2021 e divulgada nesta quarta-feira (5). No comparativo com sondagem anterior, entre os dias 17 e 19 de novembro, foi verificado que o aumento de preços superou o índice de IPC-SP (Índice de Preços ao Consumidor de São Paulo) da Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) , acumulado no período, de 11,12%.

É possível acessar o conteúdo completo da pesquisa no site do Procon.

+Desconto de 9% para pagar IPVA à vista termina no dia 10; veja calendário 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.