Continua após publicidade

Luto e protesto: Beco do Batman é pintado de preto após PM matar artista

NegoVila Madalena, de 40 anos, morreu após ser atingido por bala disparada por Ernest Decco Granaro

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 30 nov 2020, 14h59 - Publicado em 30 nov 2020, 14h19

Os muros do Beco do Batman, ponto turístico na Vila Madalena, foram pintados de preto em sinal de luto neste final de semana. Frases também pedem justiça pelo assassinato de Wellington Copido Benfati, conhecido como NegoVila Madalena, de 40 anos. Ele foi morto pelo policial militar Ernest Decco Granaro, que estava à paisana, após discussão no sábado (29). 

O acusado, que alegou legítima defesa, foi detido em flagrante por outros policiais e indiciado por homicídio. No momento em que foi preso, as autoridades afirmaram que o PM apresentava “ainda dificuldade para falar e sinais de embriaguez”. Ele está no presídio Romão Gomes, na Zona Norte.

Segundo boletim de ocorrência, Ernest disse que estava de folga e atirou no artista em legítima defesa após ser cercado por pessoas que tentavam tomar sua arma, o que foi desmentido pelas testemunhas. De acordo com elas, Ernest atirou no peito de NegoVila sem que a vítima apresentasse qualquer risco algum. O 14º Distrito Policial (DP), em Pinheiros, investiga o caso.

Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista (Alexandre Battibugli/Veja SP)
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista (Alexandre Battibugli/Veja SP)
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista (Alexandre Battibugli/Veja SP)
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista (Alexandre Battibugli/Veja SP)
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista (Alexandre Battibugli/Veja SP)
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista (Alexandre Battibugli/Veja SP)
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista
Beco do Batman: luto e protesto após PM matar artista (Alexandre Battibugli/Veja SP)
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.