Justiça suspende aumento de taxa da prefeitura para o Uber

Decisão publicada nesta quarta (19) considera regra irregular

O Tribunal de Justiça de São Paulo suspendeu na quarta (19) medida da Prefeitura de São Paulo, da gestão de Fernando Haddad (PT), de elevar a taxa para aplicativos, como o Uber. A medida sustentava o aumento do valor por quilômetro rodado.

+ As dez piores linhas de ônibus da capital, segundo dados da SPtrans

Desde o dia 11 de setembro, as empresas pagavam de 0,10 a 0,40 centavos por quilômetro andado, dependendo do quanto a empresa rodava. Anteriormente, a taxa cobrada pela prefeitura estava fixada em 0,10 centavos.

Segundo a prefeitura, o objetivo não era encarecer as corridas, mas sim aumentar a competitividade para evitar que o Uber monopolize o segmento. O aplicativo foi regulado por meio de um decreto em maio.

Contra essa cobrança progressiva, o Uber foi à Justiça e obteve decisão favorável do juiz Antonio Augusto Galvão de França, da 4ª Vara da Fazenda Pública. “O município instituiu tabela progressiva de preços com o intuito de ‘incentivar a concorrência’. Entretanto, a cobrança de sobretaxa embasada em tal argumento atenta contra o princípio da livre concorrência, previsto no artigo 170, IV, da Constituição Federal”, diz o magistrado na decisão.

Ainda de acordo com o juiz, “ao criar norma com declarado propósito de interferência na ordem econômica, ou seja, do direito econômico, o município extrapola sua competência legislativa, invadindo o âmbito da União e do Estado de São Paulo”. A prefeitura irá recorrer da decisão.

Em nota, o Uber informou que a cobrança faria com que consumidores tivessem que pagar até 300% a mais pelo valor dos quilómetros de uma viagem. “Hoje, a Justiça garantiu aos consumidor o direito de escolher o serviço mais eficiente, suspendendo imediatamente essa resolução”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s