Continua após publicidade

Justiça manda Kid Bengala apagar vídeo com conotação sexual

Justiça considerou que propaganda na qual candidato diz "como a Flávia, como a Maria, eu como todos os brasileiros" ofende a moral e bons costumes

Por Hyndara Freitas
15 set 2022, 17h35

O candidato a deputado federal Clóvis Basílio dos Santos, conhecido como Kid Bengala (União Brasil), deve apagar um vídeo publicado no TikTok no qual faz trocadilhos com conotação sexual, decidiu o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) na última quarta-feira (14).

+ Justiça proíbe deputado de usar farda do Exército em fotos de campanha

A ação foi ajuizada pela Procuradoria Regional Eleitoral, que afirmou que o candidato usa a palavra “como” com conotação sexual e ainda faz gestos que sugerem um ato sexual, o que torna a propaganda “ofensiva à moral e aos bons costumes e que cria, artificialmente, na opinião pública, estados mentais, emocionais ou passionais, bem como expressa preconceitos”.

No vídeo, Kid Bengala diz: “Pessoal, hoje é meu primeiro dia de campanha a Deputado Federal. Por isso, como o Lucas, como o seu João, como o José, como o Ricardo, também como a Flávia, como a Maria, como a Joice, enfim, eu como todos os brasileiros e brasileiras, estou de saco cheio de tantas sacanagens na política. Por isso, como você, eu resolvi inovar para meter o pau nessa bagunça. Federal é 4469, Kid Bengala. Pode apostar que eu vou entrar é com tudo!”.

Continua após a publicidade

Para a juíza Maria Claudia Bedotti, “a fala do candidato não veicula qualquer conteúdo programático ou propositivo, para além de ser apta a criar, na opinião pública, estado de indignação, seja pelo emprego do verbo comer no sentido sexual, chulo e grosseiro, seja pelo uso de outros termos vulgares, que ferem a moral e os bons costumes, o que não pode ser permitido pela Justiça Eleitoral”. O vídeo já foi apagado pelo candidato, mas cabe recurso ao plenário do TRE-SP.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.