Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Dublador Júlio Chaves, que fazia a voz de Mel Gibson, morre aos 76 anos

Ele trabalhou também em filmes como 'Procurando Nemo' e na saga Harry Potter

Por Redação VEJA São Paulo 10 ago 2021, 17h44

O ator e dublador Júlio Chaves morreu aos 76 anos devido a complicações da Covid-19 nesta terça-feira (10). Ele ficou conhecido por fazer a voz em português do ator estadunidense Mel Gibson.

Chaves também dublou outros artistas conhecidos como Tommy Lee Jones, Robert De Niro e Jeremy Irons. Em seus trabalhos mais populares, fez a voz do pai de Nemo, no filme Procurando Nemo e Procurando Dory. Também interpretou a voz de Crowley na série Supernatural e o personagem Valter Dursley na saga de filmes Harry Potter.

Amigos pessoal de Chaves, o também dublador Guilherme Briggs, lamentou a morte do colega através das redes sociais. “Perdemos mais um querido amigo dublador. Júlio Chaves, a eterna voz do Mel Gibson faleceu, vítima do Covid. Ele já estava internado tem alguns dias. Eu não sei mais o que dizer ou sentir, só tristeza. Descanse em paz, Julinho, muito obrigado por tanto carinho comigo sempre”.

Páginas na internet homenagearam o ator e dublador relembrando alguns de seus personagens:

Continua após a publicidade

+Assine a Vejinha a partir de 8,90.

Continua após a publicidade

Publicidade