Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Jovem de 18 anos encontrada morta no interior de SP estava sem roupa

Polícia analisa imagens de câmeras para esclarecer morte de Jennifer Blimblem

Por Redação VEJA São Paulo 10 out 2021, 13h56

O corpo de Jennifer Eduarda da Cruz Blimblem, de 18 anos, foi encontrado sem roupas e em estado avançado de decomposição no dia 30 de setembro, às margens de uma estrada da área rural de Avaré, no interior de São Paulo.

A jovem estava desaparecida desde o dia 24 de setembro e sua família registrou o sumiço apenas no dia 28 de setembro pois ela já havia desaparecido outras vezes em 2014, 2018 e 2020.

Um morador da região encontrou o corpo da garota e a Polícia Militar foi acionada. Peças de roupas e mechas de cabelo estavam a poucos metros de distância de Jennifer.

No dia 1° de setembro, a identidade da vítima foi confirmada pelo laudo do Instituto Medico Legal (IML). O corpo apresentava lesões na cabeça e diversas perfurações no tórax e abdômen.

A Polícia Civil está analisando imagens de câmeras de segurança para tentar esclarecer o crime. A suspeita, de acordo com o delegado Fabiano Ferreira da Silva, é de que a menina se encontrou com alguém no período em que esteve desaparecida.

“As imagens de câmeras de vigilância do centro da cidade estão sendo visualizadas. O celular dela foi encaminhado para a perícia e seguimos com outras diligências de cunho sigiloso”, conta o delegado. As equipes ainda aguardam o resultado dos laudos para saber a causa da morte e se Jennifer foi vítima de abuso sexual.

Continua após a publicidade

Publicidade