Clique e assine por apenas 6,90/mês

Confira os jogadores que já se envolveram em problemas com pensão

O ex-jogador Roberto Carlos teve a prisão decretada por atrasos no pagamento de pensão alimentícia

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 24 ago 2017, 09h32 - Publicado em 24 ago 2017, 08h42

O ex-jogador de futebol Roberto Carlos teve a prisão decretada por atrasos no pagamento da pensão alimentícia de dois filhos. Segundo o UOL, o jogador, que teve passagem pela seleção brasileira, teria que pagar 61 000 reais para permanecer em liberdade. O processo foi movido por Barbara Thurler, mãe das crianças.

Nesta quarta (23), a assessoria de imprensa do ex-atleta emitiu uma nota informando que ele efetuou o pagamento da pensão alimentícia referente a junho, no último dia 3 de agosto, e julho, nesta quarta (23).

“No entanto, devido a um procedimento burocrático, o juiz responsável pelo caso ainda não manifestou-se a respeito. Fernando Henrique Pittner, advogado de Roberto Carlos, afirma que, após a manifestação descrita acima, o processo será regularizado”.

Assim como Roberto Carlos, outros jogadores já encararam os tribunais devido a problemas com pensão a ex-mulheres, falta de pagamento e atrasos.

Confira:

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

Bill

Reprodução/Veja SP

Com passagens pelo Botafogo e Corinthians, o atacante do América-MG chegou a ter prisão decretada em fevereiro de 2015 por falta de pagamento de pensão alimentícia à ex-mulher Sabrina Oliveira.

 

Continua após a publicidade

Romário

Romário

Hoje senador pelo PODE do Rio de Janeiro, o ex-jogador Romário chegou a ser detido em julho de 2009 por falta de pagamento de pensão. Segundo o jornal O Estado de S.Paulo, ele já havia sido detido, em 2004, pelo mesmo motivo.

 

Continua após a publicidade

Ronaldo

Ronaldo

O ex-jogador já chegou a entrar com um processo para reduzir o valor da pensão paga ao filho que ele teve com Milene Domingues, o Ronald, em 2009, noticiou o Agora São Paulo na época. E, em março deste ano, a coluna do jornalista Leo Dias informou que ele estaria devendo pagamentos da pensão de seus filhos.

 

Continua após a publicidade

Renato Gaúcho

Reprodução / Instagram/Veja SP

Em 1996, o então jogador do fluminense e hoje técnico de futebol Renato Gaúcho chegou a ser preso por dever pensão alimentícia.

 

Continua após a publicidade

Zé Elias

Reprodução/Veja SP

O ex-jogador do Corinthians e Santos, Zé Elias, hoje comentarista da ESPN, foi preso em 2011 por quase um mês por dever pensão alimentícia à ex-mulher.

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

Fábio Bilica

Reprodução/Veja SP

O jogador paraibano Fábio Bilica foi preso no ano passado por não pagar pensão alimentícia. Com passagem pela seleção brasileira, devia um pouco mais de 17 000 reais de pensão, segundo o G1.

 

Continua após a publicidade

Gilton

Reprodução/Veja SP

Em junho deste ano, o lateral esquerdo Gilton, do Guarani, foi preso em Campinas por causa do atraso do pagamento de pensão alimentícia de aproximadamente 20 000 reais.

 

Continua após a publicidade

Marcelinho Paraíba

Reprodução/Veja SP

O jogador da Portuguesa foi detido em 2012 sob a acusação de ter agredido a ex-mulher quando ela foi cobrar dívida de pensão alimentícia.

 

Continua após a publicidade

Carleto

Reprodução/Veja SP

O lateral-esquerdo Thiago Carleto, do Coritiba, também se envolveu em problemas de pensão e quase foi preso em março deste ano. Segundo o G1, ele depositou em juízo o valor dos seis meses de pensão devidos – que ultrapassavam a quantia de 70 000 reais – à ex-mulher Fernanda Alves.

 

Continua após a publicidade

Edílson

Reprodução/Veja SP

O ex-jogador Edilson, o Capetinha, que tem seleção brasileira, Corinthians e Palmeiras no currículo, foi preso na última semana em Salvador por causa de dívidas de pensão. Chegou a ficar quatro dias detido e depois de fechar um acordo foi solto. Segundo o Globoesporte, essa é a terceira vez que ele é detido por esse motivo.

 

Continua após a publicidade

Edmundo

Reprodução / Instagram/Veja SP

O ex- jogador Edmundo, hoje comentarista do Fox Sports, também já se envolveu nessa polêmica, acusado pela ex-modelo Christina Mortágua de atrasar pensão alimentícia do filho deles, Alexandre.

Continua após a publicidade
Publicidade