Clique e assine por apenas 6,90/mês

Jean, goleiro do São Paulo, é acusado de agressão pela esposa

Milena Bemfica postou vídeos em que aparece com diversos hematomas no rosto

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 18 dez 2019, 10h10 - Publicado em 18 dez 2019, 10h08

Jean, de 24 anos, goleiro do São Paulo Futebol Clube foi acusado de agredir sua esposa Milena Bemfica  em Orlando, nos Estados Unidos.

O caso veio a público por meio de vídeos postados por Milena em suas redes sociais na madrugada desta quarta (18). Neles, a moça diz estar trancada no banheiro e exibe o rosto muito machucado. “Eu tô aqui, em Orlando, e olha o que Jean acabou de fazer comigo. Alguém me ajude. Jean acabou de me bater. Gente, socorro”, disse. A jovem apagou os vídeos, mas a gravação foi salva e circula na internet.

Ela também exibiu um print que seria de uma conversa com Jean, nele, o jogador diz que ela “terminou” com a carreira dele e que as filhas do casal “passariam fome”.

Nesta manhã, Milena voltou aos stories dizendo que estava bem. “Meus amores, como tem muita gente preocupada comigo, e eu tô sem celular, eu tô em outro lugar… Já passou. Eu tô com as meninas, e tá tudo bem. Depois eu vou me pronunciar. Tem muita gente falando comigo, e não tem como responder. Não tenho WhatsApp, tô incomunicável, mas tá tudo bem”, disse.

Em nota, o São Paulo Futebol Clube informa que acompanha o caso e “aguarda apuração dos fatos para definir as medidas cabíveis”.

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade