Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Homem perfura braço ao tentar fugir da PM em festa clandestina

Jovem teve o pulso transpassado por uma lança de ferro de portão

Por Redação VEJA São Paulo 26 abr 2021, 20h24

Um homem de 21 anos teve o pulso transpassado por uma lança de ferro de um portão, na madrugada do último domingo (25), ao tentar fugir da polícia em Palmas, no Tocantins. O jovem participava de uma festa clandestina com 300 pessoas, que não faziam uso da máscara facial, em uma chácara.

Depois que a polícia militar encerrou o evento, o Corpo de Bombeiros Militar foi acionado para socorrer o rapaz, que não teve o nome divulgado, às 3h.

Os socorristas contam que encontraram o homem com objeto pontiagudo do portão transfixado no pulso esquerdo. Ele havia tentando pular o portão, mas escorreu e a lança o perfurou.

“Os militares tiveram que usar equipamentos específicos para cortar o metal e resgatar a vítima. Ainda no local, após ter o objeto cortado, o homem recebeu os primeiros socorros e foi encaminhado para o Hospital Geral de Palmas”, relatou o Corpo de Bombeiros.

O Hospital Geral de Palmas informou que ele passou por procedimento cirúrgico e passa bem.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade