Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Helicóptero realiza pouso forçado em laje de prédio na Faria Lima

Pouso emergencial ocorreu na manhã desta quinta (16) no prédio do Itaú. Ninguém ficou ferido

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 16 jan 2020, 12h59 - Publicado em 16 jan 2020, 12h56

Os funcionários do prédio do Itaú BBA e dos edifícios vizinhos, na Avenida Brigadeiro Faria Lima, levaram um susto nesta quinta-feira (16) pela manhã. Um helicóptero teve que realizar um pouso forçado na laje do prédio do Itaú.

O pouso foi motivado por uma falha mecânica. Apesar da gravidade da situação, ninguém se feriu e não houve danos na estrutura do prédio.

O Itaú Unibanco divulgou, em nota, o ocorrido: “O pouso emergencial de um helicóptero na laje do Itaú BBA, sediado na Av. Brigadeiro Faria Lima, ocorreu em virtude de falha mecânica. Os tripulantes não se feriram e a estrutura do prédio não sofreu danos. O banco está prestando assistência para que os reparos necessários sejam realizados e a aeronave, que é de uma empresa de táxi aéreo, removida. O helicóptero não estava a serviço do banco e a área escolhida para aterrisagem não é um heliponto.

Continua após a publicidade
Publicidade