Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Paulista faz 129 anos: o que os frequentadores pensam sobre a avenida?

No aniversário do ponto turístico, uma pesquisa revela quais são os lugares favoritos do público na região

Por César Costa Atualizado em 8 dez 2020, 14h33 - Publicado em 8 dez 2020, 14h30

A Avenida Paulista completa 129 anos de existência nesta terça-feira (8). Como celebração e preparação para os 130 anos, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), a pedido da Associação Paulista Viva, APV, fez uma pesquisa em busca de entender a relação do ponto turístico com seus frequentadores e porque eles a reconhecem como “símbolo de São Paulo”. Cerca de 1200 entrevistados foram ouvidos durante o final de outubro e início de novembro. 

As pessoas foram divididas em quatro blocos: 300 moradores da região, 300 comerciantes e empresários, 300 funcionários que trabalham na região e outras 300 que circulam no espaço, seja durante a semana ou no final de semana.

A diversidade, movimento de pessoas, o visual e as atrações foram os principais aspectos destacados positivamente, sendo apontado por 25% dos entrevistados. A paisagem e os aspectos arquitetônicos ficaram em segundo, com 18%. Em terceiro, com 16% das menções, ficaram as atrações culturais.

As entrevistas também revelaram que a avaliação positiva da avenida é maior entre os que não moram na capital. 86% dos entrevistados de outras cidades avaliaram a via como “ótima ou boa”, enquanto a porcentagem de aprovação caiu quando o espaço amostral são os moradores das redondezas, chegando a 79%. Dos paulistanos, as avaliações ótimas ou boas são 84%. 

Questionados sobre a ação de fechar a passagem de carros e abrir a Avenida Paulista aos domingos para os pedestres, 78% aprovam a medida. 30% declararam que vão todos ou quase todos os domingos para o espaço. Para quem mora nas proximidades, o número cresce para 53%. E para quem mora na capital, a porcentagem cai para 22%.  

Entre os pontos negativos, a pesquisa demonstra que desigualdade social, por 22% dos entrevistados, e segurança, por 23%, são os principais problemas. No entanto, 19% não apontaram nenhum aspecto negativo. 

Lugares favoritos

O presidente da APV, Lívio Giosa, afirma que a pesquisa identificou 13 categorias de atividades consideradas “a cara da Paulista”. Com isso, também fez parte do questionário qual o estabelecimento favorito entre elas. Veja o resultado. 

Espaço Cultural

  • MASP (67%)                       
  • SESC (10%)                       
  • Casa das Rosas (5%)

Lojas de Roupas

  • Renner (18%)
  • Mariza (14%)
  • Riachuelo (13%)
  • Forever 21 (12%)

Lanchonete

  • Mc Donald’s (56%)
  • Burger King (19%)
  • América (8%)

Shopping

  • Paulista (31%)
  • Cidade São Paulo (30%) 
  • Center 3 (23%)

Café

  • Starbucks (49%)

Academia

  • Smartfit (55%)
  • Bioritmo (12%)

Banco

  • Itaú (25%)
  • Safra (19%)                        
  • Bradesco (13%)
  • Santander (13%)

Loja de Varejo

  • Lojas Americanas (32%)
  • Kalunga (29%)

Restaurante

  • Bovinu´s (20%)
  • América (13%)

Livraria

  • Cultura (66%)
  • Martins Fontes (11%)

Teatro

  • Gazeta (72%)
  • Unimed (7%)

Faculdade

  • Cásper Líbero (31%)
  • Anhembi Morumbi (14%)
  • UNIP (14%)
  • FGV (10%)

Hotel

  • Maksoud (15%)
  • Ibis (15%)
  • Renaissance (11%)
  • Meliá (6%)

+Assine a Vejinha a partir de 5,90

Continua após a publicidade
Publicidade