Continua após publicidade

Franco da Rocha tem 15 pontos de alagamento após fortes chuvas

Para os próximos dias, previsão é de garoa e queda de temperatura

Por Agência Brasil
19 abr 2023, 15h19

Os impactos das fortes chuvas de dessa terça-feira (18) em Franco da Rocha, cidade da região metropolitana de São Paulo, ainda podem ser sentidos pela população nesta quarta-feira (19). De acordo com a prefeitura, choveu 116 milímetros (mm) nas últimas 24 horas.

+Prefeitura lança botão de alerta para escolas em situações de perigo

Hoje a Defesa Civil Estadual registra pelo menos 15 pontos de alagamento, nas seguintes vias: Professor Carvalho Pinto, José Roberto Rosa, Francisco Pessolano, Engenheiro João Batista Garcez, Expedicionários, Ernest Steinkopff, João Victor Júnior, calçadão Amália Sestini, Basílio Fazzi, Corypheu de Azevedo Marques, Benedito Fagundes Marques, Gentil Rocha, José Alves Ferreira Filho, Avenida dos Coqueiros e Marechal Gaspar Dutra.

A prefeitura destacou que trabalha na desobstrução e limpeza das vias centrais mais afetadas.

Continua após a publicidade

A escola estadual Azevedo Soares, que ficou alagada, passará por uma vistoria preventiva pelo Núcleo de Obras da Diretoria de Ensino de Caieiras. “A princípio não houve danos à unidade escolar”, informou a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo. Conforme previsto no calendário letivo, a escola terá hoje conselho de classe.

Obras

Segundo a prefeitura, estão em andamento as obras de dois piscinões na bacia do Ribeirão Eusébio. A construção deve “amenizar o impacto das chuvas nos alagamentos no centro da cidade”. As obras estão sendo executadas pelo Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE).

Continua após a publicidade

+Em metade do mandato, Nunes conclui 17% das metas previstas para até 2024

O governo municipal informou ainda que um terceiro piscinão está em fase final de licitação e tem início de obras programado para este ano. Em fevereiro de 2022, 18 pessoas morreram em deslizamentos e desabamentos provocados por conta de fortes chuvas no município.

Caieiras

As chuvas de ontem também fizeram transbordar o Rio Juquery no município de Caieiras, também na Grande São Paulo, deixando alguns pontos de alagamento. Não há registro de desabrigados.

De acordo com a prefeitura, os locais atingidos foram: Rodovia Presidente Tancredo de Almeida Neves, na altura do km 35, que está fechada nos dois sentidos; Avenida Valdemar Gomes Marino, que se encontra bloqueada em um sentido; Rua João Dártora; Rua Santa Rita; e Rua Luiz Celso Berti.

+ONG SP Invisível fará intervenção artística no Minhocão nesta semana

“Os níveis da água ainda não baixaram, pois as cidades de Franco da Rocha e Francisco Morato ainda possuem alagamentos e o escoamento da água afeta diretamente Caieiras”, informou a prefeitura.

Previsão do tempo

A Defesa Civil Estadual informou que, para os próximos dias, o maior destaque fica por conta da sensação de frio na quinta-feira e na sexta-feira. Não há indicativo de chuvas fortes, apenas garoa em pontos isolados de áreas mais serranas.

Continua após a publicidade

Na capital paulista, o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da prefeitura de São Paulo, informou que ontem foi o dia mais chuvoso de um mês de abril em seis anos. Choveu 38,1 mm em média na cidade. Esse volume representa 60,4% da média do mês, que é de 63,1mm.

Para os próximos dias, a capital deve receber a primeira massa de ar frio e seco mais intensa do outono. Com isso, as noites e madrugadas ficam com temperaturas mais baixas.

Amanhã, o dia será ensolarado e com tempo seco, com sensação de frio, principalmente no início e no fim do dia. Os termômetros oscilam entre a mínima de 12 graus Celsius (°C) e a máxima de 21°C. Na sexta-feira (21), feriado de Tiradentes, os termômetros oscilam entre 10°C e 22°C.

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.