Clique e assine por apenas 6,90/mês

Doria é multado pela Justiça por uso da marca ‘SP Cidade Linda’

Decisão foi divulgada nesta sexta (27)

Por Redação VEJA São Paulo - 27 Apr 2018, 14h45

O ex-prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), terá trinta dias para pagar uma multa de dez salários mínimos para a Justiça. A punição é resultado do uso indevido da marca “SP Cidade Linda”, slogan do programa de zeladoria da cidade.

A decisão é da juíza Carolina Martins Clemencio Duprat Cardoso, da  11ª Vara de Fazenda Pública. De acordo com a publicação, Doria distribuiu camisetas com a logomarca no dia 17 de março, e fez uso do slogan nas redes sociais quando já estava proibido pela Justiça de exibir o slogan.  A restrição ocorreu em fevereiro.

Procurado, Doria se manifestou por meio de seus advogados afirmando que “em nenhum momento descumpriu a decisão judicial de restrição do uso do símbolo que representa o programa Cidade Linda”.

Confira a nota na íntegra:

Continua após a publicidade

O ex-prefeito João Doria já comprovou, na ação respectiva, que em nenhum momento descumpriu a decisão judicial de restrição ao uso do símbolo que representa o programa Cidade Linda.

Temos certeza que o equívoco da decisão será revisto pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, pois, em que pese o respeito com a decisão proferida, dela discordamos e apresentaremos o recurso cabível.

Importante lembrar que a legalidade do uso da marca foi devidamente esclarecida pela Câmara Municipal de São Paulo ao aprovar o Projeto de Lei 76/2018, esclarecendo a errônea interpretação que trata igualmente símbolo de administração com marca de programa.

Flávio Henrique Costa Pereira, Tony Chalita (advogados)

Publicidade