Evento gratuito promove debates e oficinas sobre privacidade na rede

Em sua 5ª edição, CryptoRave acontece entre os dias 4 e 5 na Cinemateca Brasileira

Privacidade na rede não é um assunto vencido. Apesar de todas as denúncias de vigilância de empresas e corporações governamentais, há muitas práticas que estão ao alcance dos usuários para se proteger na internet e ainda não são adotadas. A CryptoRave, que acontece nos dias 4 e 5 de maio, é um evento importante para entrar nesse universo. Durante 24 horas ininterruptas, palestras, oficinas, jogos, e atividades sobre o tema acontecem na Cinemateca Brasileira, todos gratuitos.

O evento traz, anualmente, um convidado inédito no Brasil, como Peter Sunde, um dos co-fundadores do The Pirate Bay, e James Bamford, considerado pelo New York Times o principal jornalista sobre questões ligadas a Agência Nacional de Segurança americana. Em 2018, a convidada é Isabela Bagueros, que falará em primeira mão sobre o desenvolvimento do Tor, um navegador anônimo, para celular. A programação também está atenta aos últimos casos emblemáticos da internet. Palestras sobre amor na era do Tinder, Bitcoin e uso dos dados de reconhecimento facial são alguns destaques.

 

James Bamford, importante jornalista americano que cobre questões ligadas a agências de inteligência dos Estados Unidos, abriu a última edição do evento.

James Bamford, importante jornalista americano que cobre questões ligadas a agências de inteligência dos Estados Unidos, abriu a última edição do evento. (Divulgação/Veja SP)

Em sua 5ª edição, a CryptoRave foi viabilizada por uma campanha de crowdfunding que arrecadou 80 000 reais e garante a independência do evento. A iniciativa das organizações Actantes, Encripta Tudo Unicamp, Escola de Ativismo, Intervozes e Saravá é o principal evento de privacidade, criptografia e segurança na América Latina. A média é de 3 000 pessoas por edição.

Há guias, como o Tem Boi na Linha, que já dão um bom passo-a-passo para uma navegação mais segura na rede, e eventos como a CryptoRave ajudam a fortalecer uma rede preocupada com o assunto. “O que a gente defende é que privacidade funciona como comunidade”, explica Marina Pita, coordenadora do Intervozes e uma das organizadoras. Para usar um Instant Messenger como o Signal, recomendado por dar segurança aos usuários, por exemplo, é necessário que outras pessoas também o utilizem.

Os eventos promovidos não são só para adultos. A CryptoKids, na manhã do dia 5 de maio, oferece atividades lúdicas sobre criptografia e privacidade para os pequenos. Para quem acha que há idade para entrar nesse mundo, o texto inaugural da pesquisa do InternetLab sobre funcionamento de aplicativos para crianças, aponta que elas já são um terço dos usuários de internet no mundo. Performances artísticas, exibição de filmes e shows também compõe a programação, que pode ser acessada no site do evento. 

 

CryptoRave 2018
Data: 4 e 5 de maio
Local: Cinemateca Brasileira – Largo Senador Raul Cardoso, 207
Evento gratuito

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s