Continua após publicidade

Como ficou Santa Catarina após tempestades severas

Tornados também foram registrados na tarde de ontem e na madrugada deste sábado

Por Agência Brasil
15 ago 2020, 20h02

Tempestades severas e tornados foram registrados em Santa Catarina, durante a tarde de sexta-feira (14) e na madrugada deste sábado (15). De acordo com a Defesa Civil do estado, foram registrados granizo, chuva forte e rajadas intensas de vento. Os municípios mais afetados foram Vargem Bonita, Catanduvas, Água Doce, Tangará e Ibicaré, onde rajadas de vento provocaram destelhamento e destruição de edificações. Informações preliminares apontam que, em Água Doce, 700 casas foram destelhadas e 25 totalmente destruídas, 700 pessoas foram desabrigadas e 25 desalojadas. No município, 11 pessoas foram feridas, sendo duas de forma mais grave. Em Catanduvas, 235 residências tiveram os telhados danificados e duas foram destruídas.

No município de Ibicaré foram registrados danos em três comunidades de interior, duas igrejas e dois pavilhões. Em Tangará ocorreram destelhamentos em todos os bairros, estima-se que 90% das casas e empresas foram atingidas e cinco pessoas ficaram feridas. A Defesa Civil municipal informou que 100 pessoas estão desabrigadas e 20 desalojadas. Já em Vargem Bonita os primeiros números apontam 1,3 mil casas com os telhados danificados, 30 pessoas estão desabrigadas e 20 desalojadas. Os levantamentos ainda estão sendo realizados e informações mais concretas ainda serão divulgadas.

PREVISÃO DO TEMPO

O boletim meteorológico da Defesa Civil prevê novas pancadas de chuva por conta de uma área de baixa pressão combinada à umidade vinda da região Amazônica. “Há chance para temporais (chuva forte com raios, eventual queda de granizo, vendaval) isolados a partir da tarde, principalmente, em áreas da porção oeste, norte e nordeste do estado”, informa o boletim.

ALERTAS

Continua após a publicidade

Desde o início desta semana, o monitoramento da Defesa Civil de Santa Catarina vem divulgando informações sobre a mudança nas condições de tempo.

Na última terça-feira, foi emitido um boletim de tempo adverso indicando condições de tempo instável no decorrer da semana. Nos dias seguintes, a previsão foi atualizada e diariamente foram emitidos avisos meteorológicos nos níveis de observação e atenção para temporais, com rajadas fortes de vento e risco para granizo.

Na sexta-feira (14), até as 20h, foram divulgados 16 alertas de curtíssimo prazo, elaborados com base nas imagens de radar e de satélite. Foram emitidos oito observações, sete atenções e um alerta.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.