Clique e assine com até 89% de desconto

Amigos fazem busca por brasileiro que sumiu na Indonésia

Fernando Vieira Campello, 24, desapareceu na madrugada do último sábado. Natural de São Paulo, ele mora há três anos na Austrália

Por Estadão Conteúdo Atualizado em 1 jun 2017, 17h05 - Publicado em 3 fev 2015, 08h35

 

O brasileiro Fernando Vieira Campello, de 24 anos, está desaparecido desde a madrugada de sábado (31), na Indonésia. Amigos que o acompanham na viagem procuram pelo jovem e fazem uma campanha nas redes sociais para tentar localizá-lo. A mãe de Campello viajou ao país para achar o filho.

Brasileiro preso por tráfico de drogas é executado na Indonésia

O Itamaraty confirma o desaparecimento do brasileiro no país asiático e afirma que já está dando apoio à família.

Natural de São Paulo, Campello mora há três anos em Surfers Paradise, na Austrália, com a mãe. Ele estava fazendo uma viagem a alguns países da Ásia desde o começou do ano e a Indonésia era o último destino do roteiro.

Continua após a publicidade

O jovem desapareceu na Ilha de Gili Trawangan, depois de ir a um bar na sexta-feira com um grupo de brasileiros que o acompanhava. Ele foi o único que não voltou para o hotel.

Na manhã do sábado, quando os amigos não encontraram Campello em seu quarto, acionaram a família e as autoridades locais. A mãe do rapaz viajou à ilha para procurar o jovem.

Fernando Campello
Fernando Campello

O tio de Campello, Rodolfo Tadeu, de 30 anos, que está no Brasil, contou que a família não tem recebido apoio das autoridades locais nem do Itamaraty. “O local onde o Fernando desapareceu é uma ilha isolada, de difícil acesso, onde não entra carro e só tem matagal. Minha irmã não está encontrando autoridades locais que entrem na mata para procurá-lo.”

+ Confira as útlimas notícias

Tadeu afirma que a mãe de Campello e os amigos dele têm rodado toda a ilha de bicicleta, com cartazes com a foto do rapaz, para achar alguém que o tenha visto e que possa ajudar.

Fernando Campello
Fernando Campello

A família acredita que alguém tenha colocado alguma substância na bebida do rapaz durante a noite no bar, que ele tenha ficado sem consciência e se perdido pela ilha. “Nós não temos nada concreto, mas há relatos de que viram ele andando sem memória, assustado. Provavelmente podem ter colocado alguma coisa na bebida dele e ele perdeu a memória”, afirma Tadeu.

Continua após a publicidade
Publicidade