Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Conheça modelos de bicicletas elétricas

Permitidas em ciclovias em velocidade máxima de 25 quilômetros por hora, elas são alimentadas por baterias recarregáveis

Por Luisa Coelho Atualizado em 28 dez 2016, 16h35 - Publicado em 17 out 2014, 20h49

Com a expansão da malha cicloviária na cidade, muita gente tem adotado o uso da bicicleta para fugir do trânsito. Para quem precisa encarar algumas subidas e não deseja chegar suado ao trabalho, a bicicleta elétrica pode ser uma boa aliada, desde que atenda aos requisitos exigidos pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito). 

Segundo a resolução número 465 do órgão, as bicicletas elétricas são dispensadas de registro, tributação, habilitação e seguro obrigatório desde que tenham limite de potência de 350 watts e velocidade máxima de 25 km/h. Também não pode haver acelerador ou dispositivo de variação manual de potência e o motor só pode funcionar quando o condutor estiver pedalando. O documento ainda exige a utilização de indicador de velocidade, campainha, sinalização noturna dianteira, traseira e lateral, espelhos retrovisores em ambos os lados da bicicleta, pneus em condições mínimas de segurança e o uso do capacete pelo ciclista.

A alimentação acontece por bateria recarregável. Características como voltagem variam conforme o modelo. Em algumas, a bateria é instalada no quadro; em outras, no bagageiro.

+ Dez lugares para comprar bicicletas e acessórios

+ Justiça libera segunda cota do volume morto do Cantareira

Confira na galeria de fotos acima bicicletas elétricas que estão de acordo com a resolução para serem usados na ciclovia e também outros modelos de veículos que pedem autorização.

Na loja General Wings, na Vila Olímpia, especializada em bikes elétricas, é possível encontrar produtos de produção própria e acessórios de marcas variadas. Para quem quer conforto, a Villagio Colori é unissex e tem várias opções de cores, por R$ 3 890,00. Já a 3 Toros tem quadro esportivo, aro 29 e suspensão de alumínio. A loja dispõe de assistência técnica e os produtos têm garantia.

Continua após a publicidade

 

+ Aeroporto de Viracopos inaugura novo terminal de passageiros

Na EBike Store, em Perdizes e Vila Olímpia, a Sense Wind foi desenhada para homens executivos, especialmente com altura acima de 1,80 metro, e custa R$ 2 990,00. A Sense Easy é dobrável e custa R$ 3 590,00. Ambas têm garantia e a loja oferece assistência técnica. Lá também é possível encontrar bikes convencionais. 

Bike Elétrica SENSE WIND 24V R$ 2290,00

Bike Elétrica SENSE WIND 24V R$ 2290,00

+ Bicicleta vence metrô, carro e ônibus em desafio da mobilidade

A E-town aro 26 pode ser encontrada na Scattone Bikes, por R$ 3 220,00. A loja de bairro oferece serviço de oficina e diversos acessórios e modelos de bicicletas.

Com preço menor, a E-Totem E-Fold é dobrável e pode ser encontrada por R$ 2 699,00, na Moema Bike, que dispõe de oficina e variedade de produtos de ciclismo.

Continua após a publicidade
Publicidade