Atos contra terceirização estão programados para esta sexta (31)

A CUT e o Sindicato dos Professores de São Paulo organizam manifestações

A Central Única dos Trabalhadores (CUT) e o Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp) programaram um ato para esta sexta-feira (31). Os grupos são contra o sancionamento do Projeto de Lei 4302/1998, aprovado no último dia 22, que prevê a terceirização de todos os cargos, além de mudanças nos direitos trabalhistas e uma reforma na Previdência. 

Em São Paulo, os atos começam a partir das 14 horas, na Avenida Paulista, em frente ao Masp, e na Praça do Patriarca. Os manifestantes pretendem caminhar até a Praça da República. O ato antecipa a Greve Geral, programada para o dia 28 de abril.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. O que o sindicato dos professores tem com a terceirização? Turma do contra?