Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Morre Alfredo Bosi, crítico literário e professor, aos 84 anos 

O professor titular aposentado do curso de Letras da USP contraiu Covid-19 e não resistiu à gravidade da doença

Por Redação VEJA São Paulo 7 abr 2021, 12h12

O crítico literário e professor titular aposentado do curso de Letras da USP, Alfredo Bosi, faleceu nesta quarta-feira (7) vítima da Covid-19, em São Paulo. 

Bosi foi o sétimo ocupante da Cadeira 12 da Academia Brasileira de Letras (ABL) e foi um dos maiores críticos literários do país. O presidente da ABL, Marco Lucchesi, lamentou a perda. 

“A tanta dor, soma-se a morte do admirável acadêmico Alfredo Bosi. Sou tomado de profunda emoção. Nem encontro palavras. Escrevo com olhos marejados. Bosi: um homem de profunda erudição, humanista inconteste, um homem que estudou o Renascimento e que o representou (…). Jamais relegou a segundo plano os direitos civis e as liberdades. Amado amigo, fraterno, radical”, disse por meio de nota no site da Academia. 

Alfredo Bosi deixa dois filhos: Viviana Bosi, professora da FFLCH-USP, e José Alfredo Bosi.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

  • Continua após a publicidade
    Publicidade