Como será a exposição sobre Leonardo da Vinci em SP

Mostra, que abre em outubro no Brasil, está agora em cartaz no Canadá

O novo braço do Museu da Imagem e do Som (MIS), no bairro da Água Branca, abrirá suas portas em outubro com a exposição Leonardo da Vinci – 500 anos. A mostra destrinchará a trajetória do mestre renascentista. Criada por uma empresa chamada Grand Exhibitions e pelo Museu Leonardo da Vinci em Roma, a atração está agora em exibição em um museu em Ontário, no Canadá. A partir do que é visto por lá, podemos ter um gostinho do que esperar por aqui. 

 

Réplicas de criações de Da Vinci: uma das partes da exposição do italiano

Réplicas de criações de Da Vinci: uma das partes da exposição do italiano (Reprodução/ Leonardo Da Vinci - 500 anos/Veja SP)

Leonardo da Vinci – 500 Anos é uma experiência imersiva que dura cerca de 45 minutos. Nessa viagem, os visitantes poderão ver réplicas de obras de arte do mestre, além de cópias de máquinas que nasceram de suas investigações. Haverá também reproduções de seus cadernos de anotações.

Ambientes da exposição: experiência imersiva

Ambientes da exposição: experiência imersiva (Reprodução/ Leonardo Da Vinci - 500 Anos/Veja SP)

Um dos pontos altos é uma animação multi telas em tamanho real de A Última Ceia. O afresco consiste em uma das obras mais emblemáticas do artista, com 4,6 metros de altura e 8,8 metros de largura. Foi produzido entre os anos de 1495 e 1498, no refeitório do monastério de Santa Maria Delle Grazie, em Milão, na Itália.

Ambiente dedicado ao Homem Vitruviano: desenho famoso do renascentista

Ambiente dedicado ao Homem Vitruviano: desenho famoso do renascentista (Reprodução/ Leonardo Da Vinci - 500 Anos/Veja SP)

Como não poderia faltar, A Mona Lisa, outra obra fundamental na história do italiano, também estará presente na mostra. Porém, serão reproduções, junto de uma análise minuciosa do quadro, feita no Museu do Louvre por um importante engenheiro científico e fotógrafo de arte chamado Pascal Cotte.

Monalisa: obra fundamental de Da Vinci

Monalisa: obra fundamental de Da Vinci (Reprodução/ Leonardo Da Vinci - 500 Anos/Veja SP)

Na coletiva de imprensa, realizada em 5 de julho, quando a exposição foi anunciada, o valor do ingresso a ser cobrado não foi divulgado.

NOVO MIS

O novo braço do MIS, chamado MIS Iluminarium, será instalado em uma área de 2 000 metros quadrados, onde atualmente funciona a marcenaria da TV Cultura. O espaço, localizado no bairro da Água Branca, conta com um pé direito de 10 metros.

Na transformação do local para um centro cultural, serão instalados 150 projetores. Uma das inspirações, mas não a única, para criação do projeto, é o Atelier Des Lumièrs, em Paris. Na mesma toada de projetos interativos e imersivos, há ainda o Cité de la Musique, também na capital francesa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s