Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 29 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

Comer & Beber 2021: Cuia Café é o melhor restaurante bom e barato

O menu desenhado pela chef Bel Coelho traduz o Brasil em suas várias influências com receitas de preços razoáveis

Por Arnaldo Lorençato Atualizado em 22 out 2021, 17h36 - Publicado em 21 out 2021, 19h53

Tudo conspira a favor do Cuia Café. Vejamos. O novo restaurante de Bel Coelho tem uma localização privilegiada. Fica no térreo do emblemático Edifício Copan, cartão-postal da cidade desenhado por Oscar Niemeyer (1907-2012) e Carlos Lemos. Não só. Divide o espaço com a livraria Megafauna.

Quanto aos predicados culinários, eles continuam superlativos como se conhecia desde o trabalho da cozinheira nos fechados Dui/Clandestino — cabe lembrar aqui que Bel foi eleita a primeira chef revelação do COMER & BEBER, em 2004. O menu desenhado por ela pode ser considerado antropofágico, à maneira dos modernistas de 1922, já que traduz o Brasil em suas várias influências, em particular dos imigrantes que aqui se fixaram.

+ Conheça os melhores restaurantes do guia VEJA SÃO PAULO COMER & BEBER 2021/2022

Porção de lulinhas empanadas em travessa preta sobre bancada cinza junto de pote de molho ponzu.
Lulinhas empanadas com tapioca com molho ponzu de caju Ligia Skowronski/Veja SP

+ Clique aqui para conhecer todos os campeões de 2021

Os exemplos multiplicam-se no sanduíche de cogumelos grelhados, homus e picles de tubérculos (R$ 31,00), no tempurá de lula (R$ 39,00), a fritura oriental empanada não com farinha, mas com tapioca, para ser besuntada por molho ponzu de caju — normalmente, usam-se o yuzu ou uma mistura de laranja e limão. Escoltam o peixe do dia a salada de feijão-manteiguinha, farinha-d’água e molho de tucupi (R$ 65,00).

Continua após a publicidade

A costelinha de porco no melaço de cana segue na boa companhia de canjiquinha, cogumelos e couve cavolo nero (R$ 68,00). Da doçaria portuguesa, o toucinho do céu (R$ 30,00) aparece revisto. No lugar da amêndoa, entra castanha de sapucaia, comum na Mata Atlântica e na Amazônia, junto de um creme aromatizado pela semente amazônica puxuri e laranja. Ainda por cima, os preços são bem razoáveis. De aplaudir.

Cuia Café
Salão e retiradas: Avenida Ipiranga, 200, loja 48 (Edifício Copan), centro, tel. 93100-7700 (também WhatsApp). Delivery: Rappi.

Avaliação: ÓTIMO (✪✪✪✪)

Assine a Vejinha a partir de 12,90 mensais

Valeu pela visita! Para me seguir nas redes sociais, é só clicar em:
Facebook: Arnaldo Lorençato

Instagram: @alorencato
Twitter: @alorencato

Para enviar um email, escreva para arnaldo.lorencato@abril.com.br

Caderno de receitas:
+ Fettuccine alfredo como se faz em Roma

Continua após a publicidade

Publicidade