Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 29 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

Locale Trattoria tem menu afinado pelo chef Augusto Piras. Leia a crítica

O cozinheiro italiano revisou e bem o cardápio do restaurante, que teve um início com deslizes

Por Arnaldo Lorençato Atualizado em 25 nov 2021, 18h54 - Publicado em 26 nov 2021, 06h00

A Locale Trattoria, aberta em novembro de 2020, acaba de passar por um bem-vindo ajuste do cardápio.

Depois de um início com tropeços, os irmãos e sócios Gabriel e Nicholas Fullen convidaram o chef italiano Augusto Piras para rever o cardápio, já que num primeiro momento os drinques do consultor e craque Márcio Silva, como o parrudo sollevato (bourbon, Campari, Cynar 70 e mix de vermutes com bitters num banho de arroz arbóreo; R$ 35,00), tinham mais equilíbrio do que os pratos.

O chef Augusto Piras encostado em sofá estofado amarelo no Locale Trattoria.
Augusto Piras: o chef italiano do endereço Clayton Vieira/Divulgação

O cozinheiro, nascido na Sardenha, manteve os clássicos, inclusive aqueles que eu tinha provado em minha visita anterior. Apesar da evolução positiva, ainda precisa de reparo o espaguete cacio e pepe (R$ 52,00), que anteriormente tinha um gosto que lembrava manteiga. Se a textura do clássico molho romano de queijo com pimenta-do-reino é das melhores, apresentou agora um sabor intenso, quase rançoso, em uma de suas matérias-primas essenciais, o queijo pecorino. Fora esse deslize, as demais receitas estavam muito boas.

É o caso da tagliata de flat iron (R$ 72,00), deliciosamente malpassada, ao molho demi-glace com redução de vinho do Porto, acompanhada de polenta cremosa, assim como das massas, o tradicional e untuoso espaguete à carbonara (R$ 58,00) e o nhoque com ragu de ossobuco desfiado ao vinho tinto (R$ 64,00). Antes, vale provar a porção de sequinhos arancini pomodoro (R$ 28,00), composta de cinco bolinhos de risoto de tomate recheados de muçarela e escoltados por aïoli de açafrão.

Foto aérea de prato com polenta ao lado de tagliata com molho.
Tagliata com polenta: feita de flat iron ao molho demi-glace com vinho do Porto Clayton Vieira/Divulgação

Se antes o tiramisu era doce de trincar os dentes, é expedido no momento com açúcar na medida e creme de mascarpone sobre uma camada de biscoito bem úmida de café (R$ 34,00). Como se vê, são avanços notáveis.

Locale Trattoria
Rua Manuel Guedes, 369, Itaim Bibi, tel.  3071-0482; WhatsApp (tel. 97159-7371).
Das 12h às 15h e 19h à 0h (sexta e sábado sem intervalo; domingo até 18h; fecha segunda).
Tem acessibilidade.
localetrattoria.com.br.

Avaliação: BOM (✪✪✪)

Faixa de preço: $ (até R$ 150,00)

Confira o cardápio:

Print do cardápio do Locale Trattoria.
Divulgação/Divulgação
Continua após a publicidade

 

 

 

 

 

 

 

 

Assine a Vejinha a partir de 12,90 mensais

Valeu pela visita! Para me seguir nas redes sociais, é só clicar em:
Facebook: Arnaldo Lorençato

Instagram: @alorencato
Twitter: @alorencato

Para enviar um email, escreva para arnaldo.lorencato@abril.com.br

Caderno de receitas:
+ Fettuccine alfredo como se faz em Roma

Continua após a publicidade

Publicidade