Acidente

Pai capota carro e menino de 2 anos sai andando sozinho pela estrada

De fralda, Miguel Mizael Camargo Dias foi encontrado em uma rodovia no interior de São Paulo e levado para a delegacia; pai sobreviveu ao acidente

Por: Nataly Costa - Atualizado em

Um menino de 2 anos sobreviveu a um acidente de carro em Álvaro de Carvalho, no interior paulista, e saiu sozinho pela estrada para pedir ajuda, descalço e vestindo fralda. O caso aconteceu na noite de sábado (2), por volta das 20h40, na Rodovia Mamede Barreto, a 423 quilômetros da capital. Miguel Mizael Camargo Dias estava em uma curva e o local tinha iluminação precária. 

+ Manifestantes presos há 43 dias não tinham explosivos, diz perícia

O acidente aconteceu quando Miguel estava na cadeirinha de segurança de um Santana com o pai, o ajudante-geral Anderson Tadeu Dias, que havia saído da fazenda onde mora e trabalha para comprar um pacote de fraldas para o filho. De acordo com a mulher de Anderson e mãe de Miguel, Fernanda Mizael Camargo, o carro apresentou problema no pneu e travou na curva. O veículo capotou e o menino foi arremessado pela janela com a cadeirinha. O pai desmaiou com o impacto. 

Miguel conseguiu se soltar, escalou um pequeno barranco e continuou andando pela beira da rodovia, sujo de terra e coberto de formigas. Foi encontrado pelo pedreiro Natanael Nunes, que voltava de uma pescaria com dois amigos e avistou a criança graças à luz do farol do carro. Nunes e os dois amigos levaram Miguel à delegacia. A polícia acionou o conselho tutelar. 

+ Jô Soares permanece internado no Hospital Sírio Libanês

"Ele conseguiu se salvar porque é uma criança do campo, criada em fazenda. Tinha familiaridade com o local", diz a conselheira Tânia Lopes, que nesta terça-feira (5) foi visitar Miguel. "Ele está ótimo, sem sequelas. É muito esperto". 

Busca pelo filho

Enquanto o menino estava sendo cuidado, a polícia não sabia do acidente - até então, acreditava-se que a criança havia sido abandonada no meio da estrada, porque Miguel não falava nada. Quase uma hora depois, chegou aos policiais a informação de uma ocorrência: um Santana havia capotado na mesma estrada e o motorista permanecia no local. 

+ Homem morre em tiroteio na Avenida Faria Lima

Quem viu o acidente e acionou a polícia foi um vizinho da família do garoto, que reconheceu o carro. Ele ligou para Fernanda, que saiu em busca do marido e do filho. "Peguei um carro emprestado e fui. O Anderson estava bem, mas não sabia onde estava o Miguel. Comecei a procurar pelo meu fiho no meio do mato. Foi desesperador", disse Fernanda. "Só quando a polícia chegou, mais de quarenta minutos depois, fui saber que ele tinha se salvado". 

Miguel teve ferimentos nas costas e levou doze pontos, mas está fora de perigo. O pai quebrou a costela e a clavícula. "Meu pequeno herói salvou todo mundo", conta a mãe. 

+ Confira o que acontece na cidade

Fonte: VEJA SÃO PAULO