Guia

Comida judaica: onze opções de culinária típica

Confira restaurantes, padarias e empórios que seguem os preceitos da culinária kosher ou apostam nas receitas tradicionais

Por: Redação VEJINHA.COM - Atualizado em

Matzo Ball
Matzo ball: típico caldo de frango com legumes e polpetas de pão ázimo (Foto: ThinkStock)

Selecionamos onze endereços da cidade que oferecem comida kosher (que segue normas determinadas na Torá) ou a culinária típica sem restrições do livro sagrado dos judeus.

Adi Shoshi Delishop – No restaurante familiar do casal Shoshana e Adi Baruch, têm vez receitas típicas como gefilte fish (bolinho de peixe com raiz-forte e beterraba; 10,00 reais) e língua de boi ao molho de tomate (29,00 reais).

AK Vila – Apesar de um cardápio expandido em relação ao AK Delicatessen, mantém alguns pratos de origem judaica já consagrados, como o varenique recheado de batata com cebola dourada coberto por rabada e folhas de agrião (62,00 reais).

Brigaderia – Além de brigadeiros tradicionais, oferece uma linha kosher, que inclui docinhos de castanha-do-pará, chocolate branco e pistache. A unidade sair por 3,50 reais.

Burgguer’s K – Supervisionada por dois rabinos, a hamburgueria kosher não serve produtos suínos e derivados de leite. O big burgguer (31,00 reais) ganha acompanhamento de alface, cebola crua picada e molho de maionese, ketchup, mostarda e molho inglês.

Casa Zilanna – Em suas prateleiras, há produtos kosher e outros ingredientes típicos da culinária judaica, como o matzá (14,98 reais). Entre os salgados prontos para consumo, o samboussek com queijo, um tipo de empanada, é vendido em bandeja de oito unidades (15,98 reais).

Nur – A cozinha tem orientação de um rabino. Na casa de Daniel Marciano, faz sucesso o bife à milanesa com batata frita (55,00 reais). Para sobremesa, torta de suspiro queimado de chocolate, geleia de morango, creme de amêndoas e calda de frutas vermelhas (18,00 reais).

O Melhor Bolo de Chocolate do Mundo - A rede de docerias recebe o selo kosher em seus produtos. O bolo (feito de suspiro e musse de chocolate) tem três versões, com preços a partir de 11,40 reais a fatia: meio amargo, tradicional e sem açúcar.

Pricake – Prepara pequenos cupcakes de acordo com os princípios kosher, sem ovo ou leite. O açúcar refinado é substituído pelo demerara. Há 41 sabores de bolinhos, como maçã mais creme de baunilha, farofa doce e crocante de amêndoa. A unidade sai por 2,90 reais.

Sushi Papaia – A unidade da Praça Vilaboim oferece apenas comida kosher. O combinado de salmão para duas pessoas sai por 68,65 reais.

The Bagel Factory – De origem judaica, o pão arredondado com furinho no meio que dá nome à casa ganha diversas versões. Como sanduíche, ganha recheio de tomate, rúcula, mussarela de búfala e pesto (15,00 reais).

Z Deli – A delicatessen judaica ao estilo de Nova York serve em seu bufê (45,00 reais de segunda a sexta) patê de fígado de galinha com ovo, coalhada seca com limão e filé de merluza.

Fonte: VEJA SÃO PAULO