Vale a viagem

Os melhores endereços para comer e beber em Campos do Jordão

Uma edição especial de VEJA reúne os restaurantes, bares e casas de comidinhas mais bacanas da montanha

Por: Natalia Horita e Gustavo Simon - Atualizado em

Mina - Campos do Jordão
Mina: restaurante é boa surpresa na cidade (Foto: Ligia Skowronski)

Razoavelmente sossegada na maior parte do ano, Campos do Jordão, a 170 quilômetros da capital, transforma- se quando chega o frio, que traz com ele uma multidão de turistas, sobretudo paulistanos. Em 2013, a Secretaria de Turismo do município estima receber 2 milhões de pessoas durante o inverno, que começa oficialmente na sexta (21).

Os melhores endereços gastronômicos de lá integram a seleção de 609 estabelecimentos reunidos na edição especial VEJA VALE E MONTANHA “Comer & Beber”, nas bancas a partir deste sábado. Além do roteiro com restaurantes, bares e pontos de venda de comidinhas espalhados por vinte cidades do Vale do Paraíba e cinco da Serra da Mantiqueira, a revista apresenta os campeões em 37 categorias.

Na montanha, boa parte dos premiados está concentrada em Campos do Jordão. Do time das casas consagradas, o restaurante Araucária, estrela do complexo Grande Hotel Senac, reinou absoluto com três títulos. Afamado pelo chope, o sempre concorrido Baden Baden, no bairro Capivari, provou que sua caipirinha também é digna de nota. Entre as novidades, a edição destaca o café Sans Souci e o restaurante contemporâneo Mina, que se sagrou a grande revelação da temporada.

Araucária - Campos do Jordão
Araucária: dentro do Grande Hotel Campos do Jordão (Foto: Ligia Skowronski)

Araucária: se hoje a gastronomia se tornou um dos principais chamarizes do Grande Hotel Senac,em Campos do Jordão, muito se deve ao Araucária. Com serviço primoroso e decoraçãosofisticada, a casa, além de manter a dianteira entre as cozinhas variadas, é laureadapor sua carta de vinhos — a adega acomoda 237 rótulos de dezessete países (foto) —e recebe o cobiçado troféu de mesa número 1 da região. Entre os pratos executadoscom rigor pela brigada de cozinha está o carré de cordeiro cozido a vácuo, cobertopor crosta de chouriço e guarnecido de ravióli de batata-doce e queijo brie (R$ 80,00).

Avenida Frei Orestes Girardi, 3549, Grande Hotel Senac, Capivari, Campos do Jordão, tel.: (12) 3668-6000. www.grandehotelsenac.com.br.

Baden Baden - Campos do Jordão
Baden Baden: famoso pelo chope de marca própria (Foto: Ligia Skowronski)

Baden Baden: Na temporada de inverno, quandoa espera por uma mesa podeultrapassar duas horas, a concorridacasa vende a cada dia 700 litros dechope e 4 000 garrafas de cerveja,ambos de fabricação própria.No entanto, o que a levou ao rol doscampeões neste ano foi sua caipirinha— segundo o júri, a melhor da região.Do balcão saem versões diferentonascomo a de abacaxi com pimenta-rosae a que mistura chope pilsen e limão(foto). Algumas sugestões do cardápiopodem ser feitas à base de rum, saquê (R$ 21,80 cada um), vodca (R$ 26,80) ou, ainda, seguir a receita original,com cachaça (R$ 17,80). No últimocaso, o cliente escolhe entre vinterótulos.

Rua Djalma Forjaz, 93, Capivari,Campos do Jordão, tel.: (12) 3663-3610/3659. www.obadenbaden.com.br.

Mina - Campos do Jordão
Mina: restaurante é boa surpresa na cidade (Foto: Ligia Skowronski)

Mina: nas dependências do luxuoso Botanique Hotel & SPA, o restauranterevelação da temporada ocupa um salão envidraçado, com vistapara as montanhas. Nesse bonito cenário, mediante reserva, ochef Gabriel Broide serve receitas de acento contemporâneo, quepriorizam ingredientes de cultivo próprio ou comprados na região.A costelinha suína guarnecida de beterraba, cebola carameladae miniarroz (foto acima) está no capítulo dos pratos principais e custaR$ 71,00.

Rua Elídio Gonçalves da Silva, 4000, Bairro dos Mellos,Campos do Jordão, tel.: (12) 3797-6877. www.botanique.com.br.

Sans Souci - Campos do Jordão
Sans Souci: eleito o melhor café (Foto: Ligia Skowronski)

Sans Souci: herdeira da Genève, uma das mais tradicionaiscamisarias de Campos do Jordão, Ornella Padovanaproveitou a inauguração da segunda loja dos pais,dois anos atrás, para dar vazão a suas criações culinárias.Assim nasceu, nos fundos do endereço, a Sans Souci (em francês, “sem preocupação”), debutante entreos premiados, na categoria melhor café. Preparado comblend da marca paulistana Santo Grão, o expresso (foto)costuma acompanhar os delicados doces expostosna vitrine, caso da musse de banana com doce de leitee da cheesecake de maracujá (R$ 6,00 cada uma).

Avenida Doutor Januário Miraglia, 3260, Jaguaribe,Campos do Jordão, tel.: (12) 3663-3922/6690/3961.

Fonte: VEJA SÃO PAULO