Lugares para se sentir no seriado ‘Sex and the City’

De shoppings a restaurantes badalados: os endereços na cidade onde Carrie Bradshaw certamente se sentiria à vontade com as amigas

São Paulo e Nova York têm lá suas semelhanças. No roteiro abaixo, olhamos para a capital paulista como se as personagens de Sex and the City morassem por aqui. A série aborda a vida de quatro mulheres solteiras, acima dos 30 anos, independentes, e em busca (ou não) do par ideal. Formado pelas amigas Carrie Bradshaw, Samantha Jones, Miranda Hobbes e Charlotte York, o grupo explora a cidade em todos os sentidos, sempre de olho nos lugares mais descolados. Selecionamos alguns endereços de São Paulo que são a cara da série.

+ Para se sentir em The Big Bang Theory

O BRUNCH

brunch de sex and the city

brunch de sex and the city

Uma das cenas mais comuns das quatro amigas é a hora do brunch. É nessa combinação de café da manhã e almoço que as meninas se reúnem para fofocar (ohhh!). Entre os assuntos mais debatidos estão os encontros amorosos da noite anterior, com direito a detalhes do parceiro.  Quer começar o dia assim? Com decoração rústica, tijolinhos à mostra e árvores ao redor das mesinhas, a Julice pode ser o cenário para essas conversas mais, digamos, confidenciais. De ambiente agradável, a Padoca do Maní também é ideal para reunir as amigas para um papo descontraído. Se for para impressionar, o Santo Grão na Rua Oscar Freire é sofisticado e cheio de pessoas bonitas.

+ Cinco séries de super-herois para assistir

O RESTAURANTE

restaurante sex and the city

restaurante sex and the city

Como mulheres independentes e de bom gosto, o quarteto estava sempre interado com tudo o que era novidade. Especialmente impulsionado por Samantha, que sempre conseguia aquele espacinho na lista dos restaurantes mais cobiçados. Por aqui, o italiano Vito é um dos mais concorridos atualmente. Outra sensação da cidade é o Maní, da chef Helena Rizzo. Ela foi eleita a melhor chef (mulher) do mundo, o que tornou seu espaço ainda mais concorrido. Outra fila que as meninas de Sex and the City conseguiriam uma brecha é a do elegante Chou.

+ Séries são tema de bar na Rua Augusta

O RESTAURANTE PARA PAQUERAR

the raw sex and the city

the raw sex and the city

Além de saciar a fome, Samantha é ótima em descobrir lugares da moda com alto padrão de serviço (incluindo a beleza dos garçons como um dos principais critérios). Vale lembrar que ela entrou numa batalha com outras mulheres para conquistar Smith Jerrod, o garçom-ator que virou seu marido no fim da série. Pensando nisso, dois restaurantes concorrem por aqui: o Ritz e o Spot.

+ Dez boas séries para fugir do óbvio no Netflix

O COSMOPOLITAN

cosmopolitan sex and the city

cosmopolitan sex and the city

O drinque, que leva vodca, licor de laranja e suco de cranberry, virou símbolo de luxo com a série, já que era o favorito das meninas. É possível prová-lo por aqui com o mesmo glamour. Visite o Admiral’s Place e o Subastor. Os dois têm clima intimista, com sofazinhos, meia-luz e ótima carta de bebidas.

+ Leia mais em Séries Sob Controle

CUPCAKE

cupcake carrie Sex and the city

cupcake carrie Sex and the city

Se bater a crise existencial, profissional ou amorosa, nada mais justo do que atacar um cupcake sem culpa. Vale a pena provar a Confeitaria da Luana Davidsohn, em Pinheiros, e a La Vie em Douce, nos Jardins. Até Carrie ficaria com água na boca.

OS SAPATOS

manolo blahnik sex and the city

manolo blahnik sex and the city

Mulheres gostam de sapatos. Mulheres de Nova York gostam muito de sapatos. Uma das marcas que leva Carrie à loucura são os Manolo Blahnik. Não é fácil encontrá-los em São Paulo, porém outras grifes famosas, como Louboutin e os adoráveis Jimmy Choo, também são itens de adoração. As criações de Alexandre Birman, no Shopping Cidade Jardim, não fariam feio na lista de Carrie.

+ Programas paulistanos para se sentir em Friends

IOGA

Yoga em Sex and the city

Yoga em Sex and the city

Quem não se lembra do episódio em que Samantha tenta sair com o professor de ioga, mas não rola nada porque ele é celibatário. A gente prefere ilustrar com outra imagem. Em São Paulo, o Hot Yoga é uma opção para quem quiser sair da prática básica. Ainda no quesito saúde e bem-estar, as corridas no Central Park são o esporte que Charlotte e Miranda adoram. Se for ao Ibirapuera – o parque mais próximo que temos do espaço de Manhattan – aproveite também para testar o mahamudra.

O SEX SHOP

sex shop

sex shop

Uma das principais características do quarteto é ser sexualmente independente e não ter medo de suas fantasias picantes. O passeio pelas sexshops não é algo constante nas cenas, mas rende bastante assunto para as amigas. Uma curiosidade: depois que Miranda apresenta o vibrador The Rabbit às meninas, o produto se tornou um sucesso entre às mulheres do mundo inteiro. Em São Paulo, vale a passada na Constantine Boutique, na rua Gaivota, 1311, em Moema. Para as lingeries mais sensuais, a Loungerie tem boas opções.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s