Clique e assine por apenas 6,90/mês

Jojo Todynho se emociona após perder “mãe do coração” para a Covid-19

"Ajudou muito a minha a avó e não posso nem me despedir", lamentou a cantora nesta terça-feira (26)

Por Redação VEJA São Paulo - 26 May 2020, 12h07

Morreu nesta terça-feira (26) a mãe de criação da cantora Jojo TodynhoMaria Helena tinha 60 anos e foi vítima da Covid-19. Ele fazia hemodiálise e fazia parte do considerado grupo de risco da doença causa pelo novo coronavírus.

A cantora foi ao Instagram lamentar a morte de um dos seus maiores amores e diz que ficará afastada das plataformas digitais: “Eu vou ficar sumida do Instagram. Acabei de perder um dos meus maiores amores, me criou. Eu não consigo acreditar que minha mãe, Maria Helena, me deixou. Eu vou sumir, tá gente? Eu preciso sumir”, afirmou Jojo.

Em comunicado enviado ao UOL, a cantora disse estar “destruída” com a morte de Maria Helena: “Maria Helena me criou junto com minha avó, me ensinou muitos dos valores que respeito até hoje. Estou destruída”, afirmou. Maria Helena era vizinha de Dona Rita, avó de Jojo Todynho. Ela ajudou a criar a cantora e passou a ser considerada sua mãe de criação. Ainda não há informações sobre o velório e o enterro. “Metade da mulher que me tornei, ela me ensinou. O respeito ao próximo e os valores foram muito importantes na minha criação. Ajudou muito a minha a avó e não posso nem me despedir”, disse ao site Bahia Econômica

+ Assine a Vejinha a partir de 6,90

Até segunda-feira (25), o Brasil já registrava 23 473 mortes pelo novo coronavírus. Ao todo, já são 374 898 casos da doença no país — o segundo maior número de casos confirmados do vírus, atrás apenas dos Estados Unidos. As informações são do Ministério da Saúde.

Publicidade