Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Como fica dose adicional para pessoas que tomaram vacina da Janssen?

Pasta anunciou nesta terça-feira (16) que haverá segunda dose; após cinco meses, vacinados com o imunizante ainda deverão tomar reforço

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 16 nov 2021, 17h55 - Publicado em 16 nov 2021, 17h54

O Ministério da Saúde anunciou nesta terça-feira (16) que as pessoas que foram imunizadas com a vacina da Janssen contra a Covid-19 irão receber a segunda dose. Até então, a aplicação do imunizante era de dose única. O intervalo entre as duas doses deve ser de, no mínimo, dois meses. Depois, haverá reforço. 

“Hoje nós sabemos que é necessária uma proteção adicional dessa vacina. A sequência é: completou cinco meses da segunda dose, receberá uma dose de reforço, preferencialmente com uma vacina diferente”, disse Marcelo Queiroga, ministro da Saúde.

A pasta irá distribuir as doses da Janssen aos estados e municípios a partir da próxima sexta-feira (19).

O Ministério também anunciou que qualquer pessoa com mais de 18 anos deverá tomar a dose de reforço da vacina após cinco meses do esquema vacinal completo (da aplicação da segunda dose da vacina).

Até então, a dose de reforço estava aprovada para os maiores de 60 anos, pessoas imunossuprimidas e profissionais de saúde. Portanto, as pessoas que foram imunizadas com a Janssen, após os cinco meses de intervalo, devem também tomar a dose adicional.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90.

Continua após a publicidade

Publicidade