Terra Nova Cachaçaria (Desde 1995)

Tipos de Bares: Botecos
VejaSP
starsstarsstarsstarsstars
Endereço: Rua Maria Amália Lopes Azevedo, 550 - Tremembé - São Paulo - SP ver no mapa
Telefone: (11) 29967000
Horário:
segunda-feira
Fechado
terça-feira
20:00 - 02:00
quarta-feira
20:00 - 02:00
quinta-feira
20:00 - 02:00
sexta-feira
20:00 - 04:00
sábado
20:00 - 04:00
domingo
20:00 - 02:00
check_circle

Informações adicionais

Lugares/Capacidade total (90 lugares)

Resenha por Saulo Yassuda e Gabrielli Menezes

Respirar a brisa da Serra da Cantareira pode ser uma boa desculpa para aproveitar para conhecer este bar com pinta interiorana. Tijolos evidentes e carcaças na parede fazem da sobreloja no Tremembé um lugar particular. Mas o mais especial está pelas prateleiras. São cerca de 470 opções de cachaça, vindas dos mais diversos lugares do país. Aguardente de mandioca, a tiquira do Maranhão desce queimando pela garganta e tem finalização doce (R$ 15,00 a dose). É prudente tomá-la depois de forrar a barriga com boas porções como a carne-seca com mandioca frita (R$ 70,00, para dois).

Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.

    Comer e beber

    • 2019 - Participante

      Bares – Botecos Comer & Beber .

      Respirar a brisa da Serra da Cantareira pode ser uma boa desculpa para aproveitar para conhecer este bar com pinta interiorana. Tijolos evidentes e carcaças na parede fazem da sobreloja no Tremembé um lugar particular. Mas o mais especial está pelas prateleiras. São cerca de 470 opções de cachaça, vindas dos mais diversos lugares do país. Aguardente de mandioca, a tiquira do Maranhão desce queimando pela garganta e tem finalização doce (R$ 15,00 a dose). É prudente tomá-la depois de forrar a barriga com boas porções como a carne-seca com mandioca frita (R$ 70,00, para dois).

    • 2018 - Participante

      Botecos Comer & Beber .

      Não muito longe da Serra da Cantareira, esta sobreloja de jeitão rústico — tijolos à mostra, telhas idem — é o território de Heinz Schmitz. Por lá, o proprietário guarda um arsenal de 470 variedades de cachaça, como a mineira Maria da Cruz (R$ 60,00 a dose), que passa por umburana. O número inclui infusões feitas pelo próprio Schmitz, como a de jabuticaba, que fica curtindo no álcool (R$ 10,00 a dose). Quase um clássico local, a língua bovina defumada sai por R$ 40,00. (Informações checadas entre julho e setembro de 2018).

      Saulo Yassuda e Gabrielli Menezes

    • 2017 - Participante

      Botecos Comer & Beber .

      Fica no Tremembé, um dos extremos da Zona Norte, já quase na Serra da Cantareira. Muitos que moram longe daquelas bandas não se furtam a encarar a “viagem”, seja pela parruda oferta de cachaças, seja para provar os gostosos defumados artesanais do proprietário Heinz Schmitz. Nesse quesito, não perca a língua bovina (R$ 40,00), em fatias finas, que tem por companhia molho tártaro. Às cachaças: são 470 possibilidades, muitas delas em infusões feitas pelo próprio dono do bar com raízes, ervas e frutas, entre elas figo (R$ 12,00 a dose) e cambuci (R$ 10,00 a dose). (Preços checados em setembro de 2017).

      Saulo Yassuda e Fábio Galib

    • 2016 - Participante

      Bares botecos Comer & Beber .

      Heinz Schmitz põe seu bar na rota da boa botecagem com uma parruda seleção de cachaças. São paulistas, mineiras, cearenses,cariocas e catarinenses, que totalizam maisde 300 rótulos — experimente a dose da Lúcia Veríssimo (R$ 9,00) ou da Milagrede Minas (R$ 10,00), ambas provenientes de Ouro Preto (MG). Para tabelar com elas, ou então com uma cervejinha, dá para pedir uma picanha fatiada, acompanhada de alho frito, pão francês e saladinha (R$ 95,00). Somente às quintas, o proprietário serve também receitas alemãs, como joelho de porco e kassler (R$ 65,00 e R$ 45,00, respectivamente). (Preços checados em setembro/outubro de 2016.)

      Fábio Galib e Saulo Yassuda

    • 2015 - Participante

      Bares botecos Comer & Beber .

      Há vinte anos, Heinz Schmitz mantém este pequeno universo particular dedicado à cachaça, uma sobreloja cuja ambientação de fazenda inclui telhas aparentes e paredes igualmente nuas, com tijolos à vista. Artigos como uma roda de madeira e um punhado de cabaças colaboram ainda mais para o clima de roça. Só não espere música sertaneja: rock’n’roll e MPB saem das caixas de som e deixam a experiência tão singular quanto a figura de seu dono, um bonachão de cabelos compridos e vasta barba branca. Quem chega ali é convidado por ele a expandir os conhecimentos sobre a bebida graças ao invejável acervo de 475 rótulos — às vezes mais, às vezes menos. Em meio a essas muitas pedidas, aparece a ótima mineira Maria da Cruz (R$ 15,00 a dose), envelhecida em umburana, e a paraibanaSerra Limpa (R$ 12,00), de sabormais neutro. Para amainar o bico, a cozinhatem por especialidade os defumados caseiros, entre eles uma língua bovina de deixar saudade, cortada em fatias fininhas e servida ao lado de molho tártaro mais pão preto (R$ 35,00). (Preços checados em setembro/outubro de 2015).

      Saulo Yassuda

    • 2014 - Participante

      Bares bom e barato Comer & Beber .

      É um paraíso para os cachaceiros (no bom sentido), montado em um ambiente simples e rústico. Quase 500 tipos de pinga, de diversos cantos do país, estão listados no cardápio, com os rótulos divididos por região. O público que frequenta a casa trata o destilado de forma recreativa, escolhendo sua pedida pelos nomes mais curiosos e/ou divertidos. Um deles é a 100 Limite Ouro (R$ 10,00), de Careaçu (MG), que passa por tonéis de amendoim. Também estão disponíveis cerca de trinta aguardentes que recebem o toque especial dos proprietários, com infusão de raízes, ervas e frutas. Servida gelada, a marvada na versão adocicada com gengibre custa R$ 6,00. Nesse mundaréu etílico, vale forrar o estômago com provolones derretidos e temperados (R$ 28,00) e a porção de cupim defumado (R$ 28,00). Às sextas e aos sábados, rola MPB ao vivo. (Preços checados em setembro/outubro de 2014).

      Saulo Yassuda

    • 2014 - Vencedor

      Votação popular - bares carta de cachaças Comer & Beber .

      É um paraíso para os cachaceiros (no bom sentido), montado em um ambiente simples e rústico. Quase 500 tipos de pinga, de diversos cantos do país, estão listados no cardápio, com os rótulos divididos por região. O público que frequenta a casa trata o destilado de forma recreativa, escolhendo sua pedida pelos nomes mais curiosos e/ou divertidos. Um deles é a 100 Limite Ouro (R$ 10,00), de Careaçu (MG), que passa por tonéis de amendoim. Também estão disponíveis cerca de trinta aguardentes que recebem o toque especial dos proprietários, com infusão de raízes, ervas e frutas. Servida gelada, a marvada na versão adocicada com gengibre custa R$ 6,00. Nesse mundaréu etílico, vale forrar o estômago com provolones derretidos e temperados (R$ 28,00) e a porção de cupim defumado (R$ 28,00). Às sextas e aos sábados, rola MPB ao vivo. (Preços checados em setembro/outubro de 2014).

      Saulo Yassuda

    • 2014 - Vencedor

      Votação popular - bares bom e barato Comer & Beber .

      É um paraíso para os cachaceiros (no bom sentido), montado em um ambiente simples e rústico. Quase 500 tipos de pinga, de diversos cantos do país, estão listados no cardápio, com os rótulos divididos por região. O público que frequenta a casa trata o destilado de forma recreativa, escolhendo sua pedida pelos nomes mais curiosos e/ou divertidos. Um deles é a 100 Limite Ouro (R$ 10,00), de Careaçu (MG), que passa por tonéis de amendoim. Também estão disponíveis cerca de trinta aguardentes que recebem o toque especial dos proprietários, com infusão de raízes, ervas e frutas. Servida gelada, a marvada na versão adocicada com gengibre custa R$ 6,00. Nesse mundaréu etílico, vale forrar o estômago com provolones derretidos e temperados (R$ 28,00) e a porção de cupim defumado (R$ 28,00). Às sextas e aos sábados, rola MPB ao vivo. (Preços checados em setembro/outubro de 2014).

      Saulo Yassuda

    • 2013 - Indicado

      Bares carta de cachaças Comer & Beber .

      Nas encostas da Serra da Cantareira está um pedacinho do mundo de Lola e Heinz Schmitz. Nele, 475 tipos de cachaça (de todos os cantos do país) se espalham pela “varandona de fazenda” instalada no 2º andar de um simples sobrado na Avenida Maria Amália Lopes de Azevedo, o trilho de acesso ao Tremembé. Heinz, bonachão, com a aparência variando entre um papai noel de chinelos e um duende de Airuoca, é um grande apreciador e especialista empírico do mosto de cana fermentado, a pinga. Também se mostra um exímio piloto de churrasqueira. Dela saem, além das tradicionais picanhas e calabresas, provolones derretidos e temperados. O coberto com pimenta seca (R$ 28,00) é ótimo para combater o ardor das cachaças à disposição. Ainda merecem destaque os defumados caseiros, como a língua bovina (R$ 28,00 a porção), que chegam em finas fatias. Entre os destilados preparados pela Lola (R$ 6,00), há infusões com frutas, sementes e combinações como a xiboca, cravo, canela e mel, que agradam principalmente a paladares adocicados. (Preços checados em setembro/outubro de 2013).

      Luiz Henrique Ligabue e Marcelo Cobra

    • 2013 - Vencedor

      Votação popular - carta de cachaças Comer & Beber .

      Nas encostas da Serra da Cantareira está um pedacinho do mundo de Lola e Heinz Schmitz. Nele, 475 tipos de cachaça (de todos os cantos do país) se espalham pela “varandona de fazenda” instalada no 2º andar de um simples sobrado na Avenida Maria Amália Lopes de Azevedo, o trilho de acesso ao Tremembé. Heinz, bonachão, com a aparência variando entre um papai noel de chinelos e um duende de Airuoca, é um grande apreciador e especialista empírico do mosto de cana fermentado, a pinga. Também se mostra um exímio piloto de churrasqueira. Dela saem, além das tradicionais picanhas e calabresas, provolones derretidos e temperados. O coberto com pimenta seca (R$ 28,00) é ótimo para combater o ardor das cachaças à disposição. Ainda merecem destaque os defumados caseiros, como a língua bovina (R$ 28,00 a porção), que chegam em finas fatias. Entre os destilados preparados pela Lola (R$ 6,00), há infusões com frutas, sementes e combinações como a xiboca, cravo, canela e mel, que agradam principalmente a paladares adocicados. (Preços checados em setembro/outubro de 2013).

      Luiz Henrique Ligabue e Marcelo Cobra

    • 2012 - Participante

      Bares cachaçaria Comer & Beber .

      Ponto de encontro na Zona Norte, possui uma respeitável carta de aguardentes. São mais de 500 opções, procedentes de dezesseis estados, colecionadas pelo casal-proprietário, Heinz Schmitz e Lola. Eles também fabricam infusões, destacadas na seção cachaças especiais, como as de figo, amêndoas e carapiá com mel. Para comer, prove os defumados da casa, caso do patê de tainha e da língua bovina. Nas noites de sexta e sábado, há apresentações de MPB no esquema voz e violão.

      Veja SP

    • 2011 - Participante

      Bares variados Comer & Beber .

      Estabelecimento faz parte da edição Comer & Beber 2011/2012

      Veja SP

    • 2010 - Participante

      Bares variados Comer & Beber .

      Estabelecimento faz parte da edição Comer & Beber 2010/2011

      Veja SP

    Comentários
    Deixe um comentário

    Olá,

    * A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s