Jacarandá (Desde 2012)

Tipos de Restaurantes: Variados
VejaSP
starsstarsstarsstarsstars
Endereço: Rua Alves Guimarães, 153 - Pinheiros - São Paulo - SP ver no mapa
Telefone: (11) 30833003
Horário:
segunda-feira
12:00 - 00:00
terça-feira
12:00 - 00:00
quarta-feira
12:00 - 00:00
quinta-feira
12:00 - 00:00
sexta-feira
12:00 - 01:00
sábado
12:00 - 01:00
domingo
12:00 - 00:00
monetization_on

Faixa de preço

De R$116,00 a R$175,00

check_circle

Informações adicionais

Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (78), Levar vinhos (permite) (R$ 50,00)

Resenha por Arnaldo Lorençato e Saulo Yassuda

Endereço de cozinha sem fronteiras do restaurateur Milton Freitas, mescla receitas mediterrâneas e argentinas, influência da fundadora Ana Maria Massochi (Martín Fierro e La Frontera), que vendeu o restaurante a ele. Sempre de sexta a domingo, há fresquíssimos mexilhões à provençal na companhia de pão da casa (R$ 46,00) — pena que não cheguem na companhia de uma lavanda, que faz muita falta. Casarecce (R$ 62,00) é uma ótima massa fresca de produção própria regada a molho de tomate com berinjela defumada, burrata, raspas de limão-siciliano e manjericão. Embora com predicados, a bondiola de porco (R$ 66,00) é uma copalombo suína com spätzle, massinha de farinha alemã feita aqui de mandioquinha, mais folhas e picles de mostarda — ela pode chegar morna, não exatamente quente. O vulcão de doce de leite de Viçosa surge como uma variação do petit gâteau com sorvete de canela (R$ 34,00). Ainda melhor é o bolo de chocolate amargo (R$ 26,00 sem e R$ 32,00 com sorvete), de sabor intenso.

Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.

    Comer e beber

    • 2019 - Participante

      Variados Comer & Beber .

      Endereço de cozinha sem fronteiras do restaurateur Milton Freitas, mescla receitas mediterrâneas e argentinas, influência da fundadora Ana Maria Massochi (Martín Fierro e La Frontera), que vendeu o restaurante a ele. Sempre de sexta a domingo, há fresquíssimos mexilhões à provençal na companhia de pão da casa (R$ 46,00) — pena que não cheguem na companhia de uma lavanda, que faz muita falta. Casarecce (R$ 62,00) é uma ótima massa fresca de produção própria regada a molho de tomate com berinjela defumada, burrata, raspas de limão-siciliano e manjericão. Embora com predicados, a bondiola de porco (R$ 66,00) é uma copalombo suína com spätzle, massinha de farinha alemã feita aqui de mandioquinha, mais folhas e picles de mostarda — ela pode chegar morna, não exatamente quente. O vulcão de doce de leite de Viçosa surge como uma variação do petit gâteau com sorvete de canela (R$ 34,00). Ainda melhor é o bolo de chocolate amargo (R$ 26,00 sem e R$ 32,00 com sorvete), de sabor intenso.

      Arnaldo Lorençato e Saulo Yassuda

    • 2018 - Participante

      Variados Comer & Beber .

      Entre os restaurantes que fazem parte do portfólio montado pelo empresário Milton Freitas, e que inclui a trattoria Antonietta Cucina, o tailandês Mamuang Thai House e o bar japonês Taka Daru, é justamente o Jacarandá que alcança os melhores resultados. Com predomínio de receitas espanholas, italianas e argentinas, tem cozinha comandada por Danilo Gozetto, do extinto Solo Cozinha & Bar. O chef faz um caprichado trio de empanadas de milho, de queijo da Serra da Canastra e de carne (R$ 25,00). O arroz de camarões pequenos e carne de porco traz grãos firmes e saborosos (R$ 84,00). Também do mar, a prancha com camarão, lula, polvo, ostra, peixe do dia, batata, tomatinhos e maionese de dill (R$ 88,00) reafirma-se o melhor item do cardápio. Embora úmido e de pele dourada, o galetinho (R$ 58,00) pode vir com uma humita, pamonha na folha de milho, e um tantinho de sal a mais. (Informações checadas entre julho e setembro de 2018).

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2017 - Participante

      Restaurantes Variados Comer & Beber .

      Desde o ano passado, o charmoso endereço em torno de uma árvore tem como novo dono Milton de Freitas. Também trocou de chef mais de uma vez. Continua uma prazerosa experiência provar a língua ao vinagrete com ervas e ovo orgânico de gema sedosa (R$ 18,00). O sorrentino verde de burrata na manteiga de sálvia, limão-siciliano, presunto curado e parmesão (R$ 56,00), por outro lado, poderia ter massa mais delicada. De primeira, o vacío (R$ 77,00) vem com spätzle de mandioquinha. Tem boa textura o polvo grelhado com arroz negro, tomate confit e molho com castanha-do-pará e pimentão de murcia (R$ 89,00). Dos bons pudins que podem ser encontrados na cidade, o de queijo da Serra da Canastra completa-se com licor de cachaça (R$ 22,00). (Preços checados em setembro de 2017).

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2016 - Participante

      Restaurantes variados Comer & Beber .

      Fundadora do charmoso restaurante com salão que circunda uma árvore antiga e esguia, a argentina Ana Maria Massochi vendeu o estabelecimento em setembro. Os novos proprietários não farão, ao menos por enquanto, alterações nem no cardápio nem na equipe. É torcer para que se mantenham boas receitas como as lulinhas na chapa salpicada de palha de batata (R$ 42,00), e o sorrentino de abóbora (R$ 46,00), um delicioso ravióli redondo num caldo denso de cogumelo shiitake com folhas de espinafre. (Preços checados em setembro/outubro de 2016.)

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2015 - Participante

      Restaurantes variados Comer & Beber .

      Coisa rara, eis um endereço inspirado na cozinha de países sul-americanos. Argentina, Uruguai e Brasil constituem o tripé culinário do cardápio deste restaurante montado em torno de um jacarandá. Quem cuida do cardápio é o chef uruguaio Ignacio Sosa Dotta, o Nacho, sempre sob o olhar atento da sócia Ana Maria Massochi, dona também do Martín Fierro, na Vila Madalena, e do La Frontera, em Higienópolis. Sem nenhuma pretensão gourmet, a dupla elaborou uma seleção de minipratos que corresponde ao menu degustação, a preços muito razoáveis. São sugestões que também se encontram em porções grandes no cardápio: a salada de folhas com abobrinha e bolinhas de queijo de cabra que vai além do trivial (R$ 11,00 a meia-porção; R$ 27,00), o sorrentino no formato de um ravióli redondo de abóbora e queijo mascarpone ao molho de cogumelo (R$ 15,00 a meia-porção; R$ 43,00), o talharim fresco al dente no molho de creme de leite com alcachofra (R$ 16,00 a meia-porção; R$ 43,00) e o arroz bomba, que poderia ser um pouco mais macio com camarão e dados de torresmo carnudo (R$ 23,00 a meia-porção; R$ 59,00). De sobremesa, o alfajor de doce de leite fica especial com um toque de cachaça (R$ 16,00). Vale conhecer ainda o mercadinho da entrada, repleto de delícias. (Preços checados em setembro/outubro de 2015.)

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    • 2014 - Indicado

      Restaurantes variados Comer & Beber .

      Uma paradinha no empório-café que fica na entrada deste restaurante em torno de um jacarandá é obrigatória. Ali há um pão de queijo maravilhoso, capaz de rivalizar com os melhores da cidade. No salão, sempre lotado nos fins de semana, os pratos são elaborados pelo chef uruguaio Ignacio Sosa Dotta e oferecidos também em meias-porções. Há uma seção especial do cardápio com essas sugestões que trazem o ovo empanado sobre caldo de tomate, grão-de-bico e lascas de bacalhau (R$ 12,00) e o escondidinho de ragu de ossobuco com salada verde (R$ 42,00). Em tamanho tradicional, o peixe do dia (R$ 80,00) pode ser o pargo com pele crocante na companhia de uma caprichada seleção de vegetais na chapa que inclui ervilha-torta, tomate-cereja e alcachofrinha com uma deliciosa crosta de sal. Outra pedida, o filé-mignon vem dividido em dois pedaços altos com manteiga de ervas por cima, gratin de batata e palmito pupunha. Custa R$ 68,00. O doce de leite argentino dá charme ao pastel assado (R$ 14,00) na sobremesa. (Preços checados em setembro/outubro de 2014.)

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    • 2013 - Indicado

      Restaurantes variados Comer & Beber .

      É mais um charmoso restaurante em torno de uma árvore. Dona do Martín Fierro e do La Frontera, Ana Maria Massochi e seus sócios ocuparam um antigo sobrado residêncial para montar um misto de bar, restaurante e loja de produtos brasileiros, como pimenta baniua, também conhecida por jiquitaia. Desde junho, está nas mãos da chef uruguaia Luciana Silva. A cozinheira estreante chega a resultados exemplares em receitas como a torta de cebola caramelada no vinho tinto com queijo de cabra e rúcula assentada sobre uma massa fina e delicada (R$ 20,00), o risoto cítrico com lula (R$ 42,00) de ótimo tempero e o cremoso escondidinho de batata-doce com ossobuco e mix de folhas verdes (R$ 39,00). Essas e outras sugestões podem ser em meias-porções e caem bem para partilhar. Em versão vegetariana, a lasanha em camadas de abóbora, espinafre, berinjela e queijo da Serra da Canastra ao molho bechamel (R$ 39,00) é prova de que, mesmo sem carne, os pratos podem ser muito saborosos. Para quem não resiste aos frutos do mar, o polvo de textura consistentemente agradável vem com batatinhas (R$ 65,00). (Preços checados em setembro/outubro de 2013).

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    Comentários
    Deixe um comentário

    Olá,

    * A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s