Clique e assine com até 89% de desconto

Giulietta Fogo & Vino

(Desde 2019)

Tipos de Restaurantes: Carnes

VejaSP:

Endereço: Rua Jerônimo da Veiga, 36 - Itaim Bibi - São Paulo - SP ver no mapa

Telefone: (11) 33686863

Horário:

segunda-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00

terça-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00

quarta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00

quinta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 00:00

sexta-feira 12:00 - 15:00 - 19:00 - 01:00

sábado 12:00 - 15:00 - 19:00 - 01:00

domingo 12:00 - 16:00

Faixa de preço: De R$116,00 a R$175,00

Informações adicionais: Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (46 lugares), Levar vinhos (permite) (R$ 50,00)

Resenha por Arnaldo Lorençato e Saulo Yassuda

Mais um dos acertos do chef e empresário Rodolfo De Santis na mesma Rua Jerônimo da Veiga onde ele se consagrou. Numa das cidades mais italianas do mundo fora da Itália, ele foi pioneiro em notar que existe um público ávido por provar carnes preparadas como na Velha Bota. Para montar o negócio, De Santis, o restaurateur do ano, inspirou-se em um dos maiores açougueiros do planeta, Dario Cecchini, um conterrâneo estabelecido no interior da Toscana. Dois cortes são feitos perto da brasa: as ótimas costeletas de cordeiro (R$ 85,00) e a parruda costata di manzo de gado black angus maturada por 28 dias com osso (R$ 110,00). Carne de panela, o ossobuco (R$ 78,00) passa pelo forno antes de ser colocado sobre o risoto à milanesa. Também é assado o tutano do acompanhamento, que vem separado da carne. O forno serve ainda para dourar em azeite as deliciosas alcachofras à judia (R$ 36,00) e o gnudi (R$ 89,00), uma variação do nhoque de queijo de cabra e batata com manteiga de trufa e cogumelos assados. Note-se: são duas pedidas lactovegetarianas. O arremate campeão chama-se pane caramello (R$ 32,00), uma espécie de rabanada de brioche de jeitão caseiro caramelada no forno que depois é umedecida com creme de baunilha e coroada com mirtilo assado.

Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.

 

    Mais um dos acertos do chef e empresário Rodolfo De Santis na mesma Rua Jerônimo da Veiga onde ele se consagrou. Numa das cidades mais italianas do mundo fora da Itália, ele foi pioneiro em notar que existe um público ávido por provar carnes preparadas como na Velha Bota. Para montar o negócio, De Santis, o restaurateur do ano, inspirou-se em um dos maiores açougueiros do planeta, Dario Cecchini, um conterrâneo estabelecido no interior da Toscana. Dois cortes são feitos perto da brasa: as ótimas costeletas de cordeiro (R$ 85,00) e a parruda costata di manzo de gado black angus maturada por 28 dias com osso (R$ 110,00). Carne de panela, o ossobuco (R$ 78,00) passa pelo forno antes de ser colocado sobre o risoto à milanesa. Também é assado o tutano do acompanhamento, que vem separado da carne. O forno serve ainda para dourar em azeite as deliciosas alcachofras à judia (R$ 36,00) e o gnudi (R$ 89,00), uma variação do nhoque de queijo de cabra e batata com manteiga de trufa e cogumelos assados. Note-se: são duas pedidas lactovegetarianas. O arremate campeão chama-se pane caramello (R$ 32,00), uma espécie de rabanada de brioche de jeitão caseiro caramelada no forno que depois é umedecida com creme de baunilha e coroada com mirtilo assado.

    Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.