Clique e assine por apenas 6,90/mês

Frangó

(Desde 1987)

Tipos de Bares: Chope e cerveja

VejaSP:

Endereço: Largo da Matriz de Nossa Senhora do Ó, 168 - Freguesia do Ó - São Paulo - SP ver no mapa

Telefone: (11) 39324818

Horário:

segunda-feira - Fechado

terça-feira 11:00 - 00:00

quarta-feira 11:00 - 00:00

quinta-feira 11:00 - 00:00

sexta-feira 11:00 - 02:00

sábado 11:00 - 02:00

domingo 11:00 - 19:00

Informações adicionais: Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (180 lugares), Levar vinhos (permite) (R$ 55,00)

Resenha por Saulo Yassuda e Gabrielli Menezes

Bom representante etílico na Freguesia do Ó, este bar com jeitão interiorano foi um dos primeiros da cidade a investir em cervejas artesanais. Se a carta hoje não apresenta tanta vitalidade na seleção das sugestões, é possível encontrar bons clássicos. Da Bélgica, a Gouden Carolus Tripel se mostra turva e um quê adocicada, com 9% de teor alcoólico (R$ 42,00, 330 mililitros). Encorpada, a Benediktiner Weissbier (R$ 28,00, 500 mililitros) é uma típica cerveja de trigo alemã. Na hora de petiscar, é quase impossível não ir de coxinha (R$ 28,00, dez unidades). Frita na hora, ela traz uma quantidade generosa de catupiry sob a casquinha grossa. Nos dias mais frios, agrada o caldo de feijão (R$ 19,00), que só peca pelo torresmo frito até amargar.

Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.

    Bom representante etílico na Freguesia do Ó, este bar com jeitão interiorano foi um dos primeiros da cidade a investir em cervejas artesanais. Se a carta hoje não apresenta tanta vitalidade na seleção das sugestões, é possível encontrar bons clássicos. Da Bélgica, a Gouden Carolus Tripel se mostra turva e um quê adocicada, com 9% de teor alcoólico (R$ 42,00, 330 mililitros). Encorpada, a Benediktiner Weissbier (R$ 28,00, 500 mililitros) é uma típica cerveja de trigo alemã. Na hora de petiscar, é quase impossível não ir de coxinha (R$ 28,00, dez unidades). Frita na hora, ela traz uma quantidade generosa de catupiry sob a casquinha grossa. Nos dias mais frios, agrada o caldo de feijão (R$ 19,00), que só peca pelo torresmo frito até amargar.

    Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.