Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Cepa

(Desde 2019)

Tipos de Restaurantes: Bom e barato, Cozinha de autor

VejaSP:

Endereço: Rua Antônio Camardo, 895 - (antigo 15) - Tatuapé - São Paulo - SP ver no mapa

Telefone: (11) 20960687

Horário:

segunda-feira - Fechado

terça-feira 12:00 - 15:00

quarta-feira 12:00 - 15:00

quinta-feira 12:00 - 15:00

sexta-feira 12:00 - 15:00

sábado 12:00 - 16:00

domingo 12:00 - 16:00

Faixa de preço: 141,00 R$210,00

Informações adicionais: Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (30), Levar vinhos (permite) (R$ 55,00)

Resenha por Arnaldo Lorençato

Este é o melhor restaurante do Tatuapé e está entre os mais instigantes de São Paulo. Não importa em que ponto da cidade se esteja, vale ir até lá provar as receitas cada vez mais refinadas de Lucas Dante, que vem revelando um talento e está em segundo colocado como chef revelação de VEJA SÃO PAULO COMER & BEBER. Numa cozinha aberta, o profssional faz pedidas equilibradas e com poucos elementos. São exemplos o atum cru ao creme de wassabi (R$ 58,00) e o pastel de queijo comté com cebola e vinagre de vinho doce Banyuls (R$ 28,00). Sem nenhum tipo de carne, a polenta cremosa com ragu de cogumelo e agrião (R$ 58,00) tem sabor superlativo. Alinha-se em qualidade ao bife ancho black angus em peça de 400 gramas assentada em molho bordelaise de vinho tinto na companhia de salada de feijão-manteiguinha (R$ 189,00). De sobremesa, escolha a compota de tangerina com ricota fresca e pistache (R$ 19,00). Autora da carta de vinhos, a sommelière Gabrielli Fleming propõe boas harmonizações com rótulos orgânicos e biodinâmicos, além de bebidas como cerveja e saquê.

Informações checadas entre outubro e novembro de 2020. 

    Este é o melhor restaurante do Tatuapé e está entre os mais instigantes de São Paulo. Não importa em que ponto da cidade se esteja, vale ir até lá provar as receitas cada vez mais refinadas de Lucas Dante, que vem revelando um talento e está em segundo colocado como chef revelação de VEJA SÃO PAULO COMER & BEBER. Numa cozinha aberta, o profssional faz pedidas equilibradas e com poucos elementos. São exemplos o atum cru ao creme de wassabi (R$ 58,00) e o pastel de queijo comté com cebola e vinagre de vinho doce Banyuls (R$ 28,00). Sem nenhum tipo de carne, a polenta cremosa com ragu de cogumelo e agrião (R$ 58,00) tem sabor superlativo. Alinha-se em qualidade ao bife ancho black angus em peça de 400 gramas assentada em molho bordelaise de vinho tinto na companhia de salada de feijão-manteiguinha (R$ 189,00). De sobremesa, escolha a compota de tangerina com ricota fresca e pistache (R$ 19,00). Autora da carta de vinhos, a sommelière Gabrielli Fleming propõe boas harmonizações com rótulos orgânicos e biodinâmicos, além de bebidas como cerveja e saquê.

    Informações checadas entre outubro e novembro de 2020.