Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Bráz – Perdizes

(Desde 1998)

Tipos de Restaurantes: Pizzarias

VejaSP:

Endereço: Rua Piracuama, 155 - Perdizes - São Paulo - SP ver no mapa

Telefone: (11) 23669894 / (11) 23669895

Site: brazpizzaria.com.br

Horário:

segunda-feira 18:30 - 00:00

terça-feira 18:30 - 00:00

quarta-feira 18:30 - 00:00

quinta-feira 18:30 - 00:30

sexta-feira 18:30 - 01:30

sábado 18:30 - 01:30

domingo 18:30 - 00:00

Faixa de preço: De R$01,00 a R$150,00

Informações adicionais: Entrega em domicílio, Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (140), Levar vinhos (permite) (R$ 40,00)

Resenha por Arnaldo Lorençato

Quando se fala da clássica pizza paulistana — aquela grande e com até três tipos de cobertura —, esta rede criada 23 anos atrás continua sendo a melhor referência. Ao longo dessas mais de duas décadas, a Bráz não se acomodou e até lançou um novo estilo de massa, a nuvola, de fermentação prolongada, muito mais leve. O ponto de partida para o jantar pode ser o khachapuri (R$ 36,00 ou R$ 46,00), um primo da pizza, nascido na Geórgia, país entre a Europa e a Ásia. No formato de uma canoa, leva muçarela, misturada na mesa a gema e queijo pecorino. As coberturas dos discos podem ser a calabria (salame cremoso nduja, couve kale, provolone de rápida maturação, muçarela e parmesão; R$ 62,00 ou R$ 99,00), a barra speciale (muçarela, burrata, cubos de tomate e azeitona preta; R$ 63,00 ou R$ 103,00) e a caprese (R$ 67,00 ou R$ 105,00), inventada na casa por Deco Lima em 1999, copiada no Brasil e agora uma das finalistas a novo prato clássico da cidade. Sobre muçarela são assentadas após sair do forno rodelas de tomate-caqui e sobre elas muçarela de búfala artesanal, folhas de manjericão gigante e pesto de azeitona preta. Continua a acertar na tiramisu (R$ 27,00), regado com boa quantidade de café. Com pequenas diferenças no cardápio, a Bráz Quintal tem duas unidades, na Vila Mariana (tel. 5082-3800) e no Paraíso (tel. 5555- 0576).

Informações checadas entre agosto e outubro de 2021.

    Quando se fala da clássica pizza paulistana — aquela grande e com até três tipos de cobertura —, esta rede criada 23 anos atrás continua sendo a melhor referência. Ao longo dessas mais de duas décadas, a Bráz não se acomodou e até lançou um novo estilo de massa, a nuvola, de fermentação prolongada, muito mais leve. O ponto de partida para o jantar pode ser o khachapuri (R$ 36,00 ou R$ 46,00), um primo da pizza, nascido na Geórgia, país entre a Europa e a Ásia. No formato de uma canoa, leva muçarela, misturada na mesa a gema e queijo pecorino. As coberturas dos discos podem ser a calabria (salame cremoso nduja, couve kale, provolone de rápida maturação, muçarela e parmesão; R$ 62,00 ou R$ 99,00), a barra speciale (muçarela, burrata, cubos de tomate e azeitona preta; R$ 63,00 ou R$ 103,00) e a caprese (R$ 67,00 ou R$ 105,00), inventada na casa por Deco Lima em 1999, copiada no Brasil e agora uma das finalistas a novo prato clássico da cidade. Sobre muçarela são assentadas após sair do forno rodelas de tomate-caqui e sobre elas muçarela de búfala artesanal, folhas de manjericão gigante e pesto de azeitona preta. Continua a acertar na tiramisu (R$ 27,00), regado com boa quantidade de café. Com pequenas diferenças no cardápio, a Bráz Quintal tem duas unidades, na Vila Mariana (tel. 5082-3800) e no Paraíso (tel. 5555- 0576).

    Informações checadas entre agosto e outubro de 2021.