Clique e assine por apenas 6,90/mês

Tapume da Avenida Paulista ganha estêncil com floresta de bambus

Mural do coletivo Choque Cultural enfeita a construção da Japan House, instituição que será inaugurada no primeiro semestre de 2017

Por Julia Flamingo - Atualizado em 26 May 2017, 11h08 - Publicado em 9 Nov 2016, 19h05

Quem costuma passar pela Avenida Paulista já deve ter notado: há longos tapumes separando os pedestres de grandes obras no local. Uma delas é a da Japan House, no número 52, centro cultural japonês que será inaugurado em 2017.

Nesta semana, o tapume da construção, de 77 metros quadrados, deixou de ser cinza e ganhou um estêncil colorido feito pelos integrantes do coletivo de arte urbana Choque Cultural. O desenho em tons de verde representa uma floresta de bambus.

Muito comum no Japão, o bambu é um símbolo do minimalismo e tradição nipônicos, características que estarão presentes em cada canto da instituição.

Mais sobre a Japan House

Projeto audacioso do governo japonês, a Japan House está sendo construída em três cidades do mundo: São Paulo, Los Angeles e Londres. No primeiro semestre de 2017, a capital paulistana – escolhida principalmente pelo histórico da imigração nipônica na cidade – inaugura a primeira unidade do projeto. Orçado em 30 milhões de dólares – investimento integral do governo japonês – o prédio tem seu projeto assinado pelo destacado Kengo Kuma. Sem estereótipos ou caricaturas, o centro cultural deve apresentar aos paulistanos o melhor do Japão contemporâneo.

+ Leia o texto sobre centro cultural na íntegra

 

 

Publicidade